Deputados franceses autorizam governo a bloquear sites

Os deputados franceses autorizaram nesta quinta-feira o governo a bloquear, dentro do estado de emergência decretado, os sites e redes sociais que fazem apologia ao terrorismo. Foto: AFP
Os deputados franceses autorizaram nesta quinta-feira o governo a bloquear, dentro do estado de emergência decretado, os sites e redes sociais que fazem apologia ao terrorismo. Foto: AFP

Os deputados franceses autorizaram hoje o governo a bloquear, dentro do estado de emergência decretado, os sites e redes sociais que fazem apologia ao terrorismo.

O dispositivo, proposto por deputados de centro, foi adotado depois dos debates sobre o prolongamento do estado de emergência depois dos atentados de Paris.

A Câmara dos Deputados da França aprovou nesta quinta-feira a prorrogação por três meses do estado de emergência instaurado no país depois dos atentados violentos de 13 de novembro.

O presidente François Hollande havia solicitado a medida na madrugada de sábado, horas depois dos ataques jihadistas que deixaram 129 mortos.

O projeto de lei, que será apresentado na sexta-feira ao Senado, apresenta algumas mudanças a um texto que data de 1955.

O dispositivo concede mais poderes às forças públicas em termos de detenções para investigação, revistas e prisões domiciliares.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *