Últimas

Do nordeste à europa

A Costa Cruzeiros fará viagens de curta duração no Brasil (foto: Costa Cruzeiros/Divulgação )
A Costa Cruzeiros fará viagens de curta duração no Brasil (foto: Costa Cruzeiros/Divulgação )

Os brasileiros passaram a ter mais acesso às viagens marítimas há cerca de 10 anos. Desde então, os cruzeiros se reinventam a cada verão, trazendo novos navios, roteiros, serviços e gastronomia. E não será diferente a partir de novembro, quando os transatlânticos começam a aportar no país fazendo viagens no Brasil, na Argentina e no Uruguai até abril de 2016. Na temporada, os candidatos a cruzeiristas terão ao seu dispor diversidade de roteiros, com preços para todos os bolsos. A inclusão da Patagônia argentina e chilena como destino turístico é outra novidade.

Entre novembro deste ano e abril do ano que vem, o número de transatlânticos vai se manter estável em comparação com o ano passado, mas a oferta de leitos e roteiros será maior que em 2014. As italianas MSC e Costa Cruzeiros virão com quatro e dois navios, respectivamente, e terão viagens de curta duração em suas programações. A espanhola Pullmantur trará dois navios ao Brasil, com rotas dedicadas aos minicruzeiros, para destinos do litoral fluminense, paulista e nordestino e alguns de sete noites para Buenos Aires e Montevidéu.

Cabine externa sofisticada do Navio Empress, da Companhia Pullmantur (foto: Pullmantur/divulgação)
Cabine externa sofisticada do Navio Empress, da Companhia Pullmantur (foto: Pullmantur/divulgação)

Já a Royal Caribean trará pela primeira vez ao Brasil o transatlântico Raphsody of the Seas, com roteiro inédito para a região da Patagônia, com destino a Puerto Madryn e Ushuaia, na Argentina, Punta Arenas, no Chile, navegação pelo Estreito de Magalhães, Cabo Horn e pelos fiordes chilenos. Os embarques e desembarques serão em Santos (SP), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA) e Itajaí (SC), e as rotas oferecidas visitarão mais de 10 destinos nacionais e internacionais, tais como Angra dos Reis, Búzios e Ilha Grande (RJ), Cabo Frio (RJ), Ubatuba e Ilhabela (SP), Porto Belo (SC), Ilhéus e Salvador (BA), Buenos Aires (Argentina), Montevidéu e Punta Del Este (ambos no Uruguai).Na CVC, a programação de cruzeiros no exterior também foi incrementada, em especial para o Caribe e a Europa, que são beneficiados pela não exigência de vistos aos brasileiros para alguns roteiros. A operadora indica roteiros pelo Mar Mediterrâneo, pelo Mar do Caribe, além de outras localidades do mundo, cujos pacotes podem ser montados com passagens aéreas desde o Brasil e demais serviços. A companhia oferece câmbio reduzido a R$ 2,99, exclusivo para os navios da MSC, e gratuidade para o terceiro passageiro, mediantes dois pagantes, na mesma cabine, apenas para os navios da MSC, exceto em feriados.

De acordo com Marco Ferraz, presidente da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Clia Abremar Brasil), o fim da temporada no Brasil, que ocorre em abril de 2016, abre novos horizontes para o mundo, com luxuosos cruzeiros fluviais em todos os continentes e os de expedição, irresistíveis para os audaciosos. Com navios sofisticados e iates de luxo, esses cruzeiros registraram crescimento de 21% entre 2009 e 2014, últimos dados disponíveis. Segundo ele, as ofertas são “fantásticas” ao redor do planeta.

Piscina do Costa Fascinos: estrutura de lazer completa para os turistas (foto: Abremar/divulgação)
Piscina do Costa Fascinos: estrutura de lazer completa para os turistas (foto: Abremar/divulgação)

“Embarcações navegam pelo Danúbio, na Europa, pelo Yang-Tsé, na China, pelo Mississipi, nos Estados Unidos, pelo Mekong, ao longo dos cenários exóticos de Vietnã e Camboja”, diz. A Clia recomenda ficar de olho nas regiões de Bordeaux – que o digam os amantes do vinho e da melhor culinária francesa -, no Sudoeste da França, e nas paisagens deslumbrantes de Miamar, na Ásia. Alguns dos destinos imperdíveis dos cruzeiros especiais são a Amazônia peruana, Patagônia argentina e chilena, Ilhas Maldivas, região de Kimberley, na Austrália, Galápagos e Antártida.
Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *