Últimas

Eliana fala sobre brincadeiras sobre sua testa: “Já fizeram outdoor com ela, eu não ligo”

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

A apresentadora Eliana foi a convidada do programa “Morning Show”, da rádio Jovem Pan, na manhã desta quinta-feira (5), que chegou de um jeito inusitado: de mototáxi. “Eu moro em Barueri, então até a Avenida Paulista, sem trânsito, demora cerca de 36 minutos. Quando o Waze recalculou a rota me desesperei! Pedi um motoboy da minha equipe para me encontrar no meio do caminho e trazer um capacete a mais! A vida não está fácil para ninguém, hoje para mim não foi fácil não!”, contou a apresentadora do SBT, que disse ter ficado apenas um pouco preocupada se ia chegar na rádio “montada”, com o cabelo e maquiagem inteiros.

Eliana disse durante a entrevista que a atividade que mais gosta, fora do ar, é estar com o Arthur, seu filho de quatro anos. “Não tem coisa mais gostosa do planeta do que ficar sem fazer nada com meu filho!”

Questionada sobre o que mudou ao se tornar mãe, ela disse que deixou de fazer várias coisas de trabalho… “Antes eu era porra louca com trabalho… Nadei com tubarão branco, pulava de bang jump. Hoje penso mil vezes antes de fazer algo assim mais radical.”

Eliana comentou também que se surpreendeu com o aprendizado que Arthur lhe traz. “Eu sempre achei que ele fosse aprender comigo e é o contrário. Com ele eu reaprendi a ser criança, a pureza. A vida te endurece e o seu filho te traz energia de volta!”

Durante o bate papo no “Morning Show”, Eliana comentou como foi sua saída do gênero infantil para a apresentação de programas mais adultos, para a família brasileira. Ela relembrou que muitas mudanças aconteceram, inclusive em seu visual. “Eu pensei, agora posso colocar o batom vermelho que eu nunca usei, a saia mais curta.”

A apresentadora disse também que lida superbem com desafios e acha críticas importantes para a carreira. “O elogio pode destruir uma pessoa, porque você não cresce. Em uma das pesquisas que participei, aconteceu algo bobo mas que doeu demais. Tinham que apontar qual animal lembrava a celebridade em questão. E me colocaram como um patinho. Ou seja, me viam frágil demais, e eu me via como uma leoa, sabe?! Mas é importante saber o que pensam e o que estão falando de você.”

Ter uma mãe famosa deve confundir um pouco a cabeça da molecada e Eliana disse que ainda está preparando o filho nessa questão… “Meu filho ainda não sabe que eu sou Eliana… Agora que ele está me questionando porque as pessoas querem tirar foto comigo, porque eu estou na televisão.”

Com quatro anos, será que Arthur assiste bastante tevê? “Tudo eu monitoro com amor e carinho. Tem meses que ele descobriu o vídeo game. Celular só deixo um pouco para jogar um jogo. Ele assiste meu programa de vez em quando em casa ou no estúdio, também vê desenhos do SBT, mas estou sempre atenta com o que ele está vendo. Eletrônicos, de maneira geral, alienam.”

Eliana questionou o apresentador Edgard Piccoli se ela deveria fazer um Snapchat ou não e acabou comentando sobre como ela lida com as redes sociais. “Isso me incomoda (de acharem que o artista tem que estar em todas as redes sociais), mas sou um pouco contraria a isso. Amo meus fãs, sem eles eu não estaria aqui, mas, não sei até que ponto tenho que me expor sempre.”

E os ‘haters’? Será que Eliana se incomoda com eles? Na Jovem Pan ela falou também sobre isso… “Sofro muito pouco bullying nas redes sociais… Talvez pelo meu perfil, por eu ter trabalhado muito tempo com crianças, não sei porque. Mas quando aparece eu gosto, quando falam de mim eu entro na brincadeira! Já mediram a minha testa, já fizeram outdoor com ela, eu não ligo!”

Na Jovem Pan, Eliana falou também sobre a guerra da audiência aos domingos e as fórmulas usadas para atrair mais público. “Sensacionalismo sempre deu audiência, não é de hoje. Tem fórmulas sim, mulher nua, por exemplo… Mas resta saber se funciona para o apresentador e para o programa (…) Se colocar qualquer coisa no ar sem estar preocupado com a longevidade da sua marca, da sua imagem, tudo bem. Mas ao se preocupar com a carreira é diferente. O que eu quero mesmo é construir minha carreira com base nas coisas que acredito. Se me impusessem algo que nao tem a ver comigo, eu sairia da TV.”

A apresentadora do SBT confessou que em seu programa utiliza sim algumas manobras para segurar a audiência; “As mais clássicas e conhecidas possíveis. Fazer um suspense, segurando um pouco e mandando para o break, se um quadro está dando audiência estica um pouco, essas coisas.”

As atrações que Eliana mais gosta de levar ao ar são viagens internacionais, mas, sabe que o custo é alto e por isso tem que se adaptar. “Vivo em uma TV comercial, nosso limite tem a ver com dinheiro (…) Em viagens a equipe é enxuta por conta dos gastos. Na viagem que fiz para entrevistar o Justin Bieber, por exemplo, fui eu, o câmera e o produtor. Eu fazia check in, carregava bagagem, isso acontece.”

Uma das dúvidas dos apresentadores do “Morning Show” foi se Eliana fica preocupada em um relacionamento com sua aparência, principalmente na intimidade. No programa foi relembrada uma entrevista dada por Claudia Leitte em que a cantora disse que há alguns truques para apimentar mais a relação, como pro exemplo, ao acordar, sair de fininho da cama, escovar os dentes e fingir que está dormindo ainda para o marido pensar que ela acorda sempre cheirosa. “Já fiz isso, já fui preocupada… Mas é uma grande bobagem porque não tem nada mais gostoso do que acordar descabelada e beijar na boca mesmo sem ter escovado o dente!”, opinou Eliana.


Fonte: Bastidores da TV

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *