Últimas

Empresa inaugura loja que entrega carros por vending machine

Há alguns anos, uma revendedora de carros usados chamada Carvana resolveu apostar num sistema de compra online que começava a se popularizar nos Estados Unidos. Agora, a empresa deu um passo adiante e automatizou também o processo de entrega dos veículos… através de uma vending machine.

O esquema começou a ser testado em Nashville, no Tennessee, onde a Carvana montou uma loja de cinco andares que faz a entrega dos carros comprados pela internet sem qualquer ajuda de funcionários humanos.

Funciona assim: o cliente escolhe o carro no site da empresa e passa pelo processo de compra por lá mesmo. Leva cerca de 20 minutos para que a venda esteja concluída, contando com o processo de aprovação financeira. Depois, a pessoa recebe uma moeda personalizada que é levada à loja e dispensada num dispositivo que libera a entrega – feita por robôs.

[embedded content]

Em entrevista ao The Verge, o CEO da Carvana, Ernie Garcia, contou que o dinheiro só é transferido da conta para a empresa depois que o cliente já olhou o carro pessoalmente e finalizou a compra (pode até fazer test drive); se ele não gostar do que viu, as máquinas levam o veículo de volta.

Além disso, a pessoa pode rodar com o carro por sete dias e, se mudar de ideia, tem a opção de devolvê-lo sem que a empresa pergunte o porquê. “Nós até ligamos para eles no sexto dia e os lembramos de que a política de retorno está expirando, para garantir que eles estejam felizes com o carro”, afirmou o CEO.

Segundo Garcia, o esquema de venda online tocado pela Carvana ajudou a economizar o dinheiro necessário para a novidade. Como a loja automática ocupa menos espaço e consome menos dinheiro por não ter muitos funcionários, os veículos custam até US$ 2 mil a menos. O CEO acredita que haverá ainda mais economia daqui para frente, o que pode fazer com que a empresa abra mais lojas do tipo pelos EUA.

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *