Últimas

Estúdios de Hollywood assumem 'culpa' por tirar o Popcorn Time do ar

Não foi um desentendimento interno ou uma debandada inexplicável que fez com que o Popcorn Time morresse, e sim uma ordem judicial. De acordo com uma reportagem da Variety, a Motion Picture Association of America, que representa os maiores estúdios de Hollywood, conseguiu fazer com que a Justiça acabasse com a plataforma.

No dia 9 de outubro a MPAA abriu uma ação no Canadá contra os operadores do popcorntime.io reclamando que eles permitiam, autorizavam e induziam violações de direitos autorais através de uma aplicação que permitia o consumo de filmes e seriados pirateados.

Além disso, no dia 12 eles foram à Justiça da Nova Zelândia contra os responsáveis pelo YTS, que rodava o YIFY, uma organização com cerca de 4,5 mil filmes pirateados.

Nos dois casos a MPAA conseguiu resposta positiva, por isso tudo foi desativado. “Essa ação legal coordenada é parte de uma ampla abordagem legal que está sendo realizada pela MPAA e suas afiliadas internacionais para combater o roubo de conteúdo”, informou à Variety o chairman da organização, Chris Dodd.

“Popcorn Time e YTS são plataformas ilegais que existem por uma razão clara: distribuir cópias roubadas dos filmes e séries mais recentes sem compensar as pessoas que trabalharam duro para criá-los”, finalizou.

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *