Últimas

Ex-motorista do Uber que estuprou passageira é condenado a prisão perpétua

Da Redação do site Tudocelular.com.br

No último ano um motorista do Uber foi acusado de estuprar uma passageira durante uma corrida, e recentemente ele foi finalmente considerado culpado pela ação. Porém, o juiz responsável pelo caso ainda não havia decidido qual seria o tempo de prisão do meliante, é então que agora nós sabemos qual foi a pena aplicada. O ex-motorista Shiv Kumar Yadav nunca mais irá ver a luz do sol em liberdade, sua vida foi condenada.

O juiz responsável por considerar o motorista culpado por agressão sexual decidiu que a sentença correta é a perpétua. Ele já está sendo levado para a prisão e felizmente nunca mais irá agredir outra pessoa da forma que fez com sua passageira no último ano.

Infelizmente o Uber também acabou sofrendo com as acusações, sua imagem acabou sendo um pouco prejudicada. Porém, a companhia revelou que ele conseguiu o emprego de motorista com referências falsas e assim pôde esconder sua ficha criminal. A empresa até foi banida da Índia por algum tempo por isso, mas acabou voltando ao país com algumas novas regras para avaliar os motoristas.

Apesar do resultado, o advogado do meliante afirmou que irá realizar um apelo para tentar diminuir a sentença. Ele afirmou que o seu cliente e inocente, e que ele tentará realizar algo para não ocorrer nenhuma injustiça contra ele.

Além de processar o motorista, a passageira também moveu uma ação contra o Uber, mas pouco tempo depois ela desistiu do caso. Foi exatamente por isso que a companhia começou a aplicar regras mais rígidas e até lançou um botão de “SOS”, que chama as autoridades caso aconteça algo de ruim.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *