Últimas

Google lança nova API do Android Wear e leva recursos do Marshmallow aos smartwatches

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Há alguns dias dissemos que o Android Wear estaria executando o Marshmallow no LG Watch Urbane LTE, e que talvez não demorasse até que isso acontecesse em outros dispositivos. De fato, este foi o primeiro relógio inteligente a rodar o Android 6.0 e, agora, a Google liberou a API 23 SDK para Android Wear, o que significa que os desenvolvedores já podem começar a otimizar os seus aplicativos para o Android Marshmallow.

Depois que apps forem atualizados, eles serão capaz de tirar proveito de um número de características novas do Android, e eles poderão detectar melhor automaticamente se estão sendo exibidos em uma face de relógio redondo ou quadrado.

Com a API 23, os desenvolvedores que usam Android poderão ainda incluir controles de permissão mais granulares, característica vantajosa do novo Marshmallow. Isso permitirá que os usuários cedam as permissões para determinados recursos do dispositivo apenas conforme o app necessitar deles, e não permitir definitivamente o acesso a todas as funções no momento da instalação.

Assim como controlar as novas permissões, a API 23 para Android Wear também traz os qualificadores ‘-round’ e ‘-notround’, ou seja, a variante que basicamente otimiza os aplicativos para relógios quadrados e redondos de relógios. Os devs poderão combinar isso com as ferramentas existentes que ajudam a determinar qual resolução os usuários usam para exibir a imagem corretamente de acordo com a densidade de pixels do relógio.

Por agora, as outras duas melhorias são para modelos específicos de relógios. Por exemplo, adicionar sons aos apps Wear para aproveitar o alto-falante embutido no aparelho, mas isso é atualmente encontrado apenas no LG Watch Urban 2º edição LTE. Além do mais, a API 23 também traz suporte para processadores Intel x86. Neste momento, esse componente é só é encontrado no novo modelo TAG Heuer Connected watch, mas outros relógios estarão usando este chip no futuro.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *