Google vai investir US$ 50 milhões para curar doenças cardíacas

Doenças cardiovasculares matam mais de 17 milhões de pessoas por ano, segundo a Organização Mundial da Saúde. Ainda que diferentes tratamentos sejam estudados e utilizados por médicos, pouco se sabe a respeito das origens ou como curar muitas dessas disfunções. Um novo grande investimento do Google pretende mudar isso.

Em parceria com a Associação Americana do Coração (AHA, na sigla em inglês), a divisão de pesquisas em saúde da empresa, o Google Life Sciences, anunciou esta semana um investimento de US$ 50 milhões em projetos inovadores que busquem a erradicação de doenças cardíacas.

O dinheiro será investido em apenas um time de pesquisadores que possam apresentar ao Google e ao AHA uma proposta convincente. “Os modelos tradicionais de financiamento de pesquisas são sempre incrementais e fragmentados, dificultando o estudo a longo prazo de um assunto multifacetado”, explicou Andrew Conrad, presidente do Google Life Sciences. “Nós estamos comprometidos com uma nova e ousada abordagem”.

Os cientistas e médicos interessados no financiamento poderão submeter suas propostas de pesquisa a partir de janeiro. O time escolhido pelo Google e pela AHA será anunciado em 14 de fevereiro. Para conquistar os US$ 50 milhões, a ideia deverá ser elucidada em apenas uma lauda.

Via Wired

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *