Haiti adia anúncio dos resultados das eleições

Eleitor do candidato presidencial Moise Jean-Charles se manifesta em Porto Príncipe, em 29 de outubro de 2015. Foto: Hector Retamal/AFP/Arquivos
Eleitor do candidato presidencial Moise Jean-Charles se manifesta em Porto Príncipe, em 29 de outubro de 2015. Foto: Hector Retamal/AFP/Arquivos

Porto Príncipe – O anúncio dos resultados das eleições gerais no Haiti, previsto para esta terça-feira, foi adiado para quinta-feira a fim de analisar as inúmeras acusações de fraude apresentadas por candidatos e observadores, anunciou o Conselho Eleitoral provisório em um comunicado.

O chefe da missão de observação eleitoral da Organização de Estados Americanos (OEA), Celso Amorim, afirmou à imprensa que a participação nas eleições de domingo retrasado chegou a cerca de 30%, ou seja, mais que nas presidenciais de 2010 e 2011. A votação não se viu perturbada por atos de violência ou aparentes fraudes em massa, mas todos sabem no Haiti que a etapa decisiva para a estabilização política do país será o anúncio dos resultados.

O segundo turno está previsto para 27 de dezembro. Três candidatos parecem se destacar entre os 54 aspirantes: o governista Jovenel Moise; Jude Célestin – desbancado do segundo turno em 2010 para abrir espaço para o atual presidente -, da Liga Alternativa pelo Progresso e pela Emancipação Haitiana (Lapeh); e Moise Jean-Charles, feroz opositor ao atual governo.

Só dois candidatos poderão passar para o segundo turno. Embora os cidadãos pareçam dispostos a aceitar o resultado do processo democrático para escolher seus dirigentes, ainda falta saber se os diferentes partidos e candidatos farão o mesmo para respeitar seu compromisso com a estabilização política do país.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *