Últimas

Ídolo da história recente do Santa Cruz, Flávio Caça-Rato assina com o Guarani-SP

Ricardo Fernandes/DP/D.A Press

Último clube profissional de Flávio Caça-Rato foi o Remo de onde pediu para sair

Um dos ídolos da história recente do Santa Cruz tem agora uma nova casa. Flávio Caça-Rato foi confirmado, na tarde desta quarta-feira, como novo reforço do Guarani. Atuando no futebol de várzea, o atacante assinou contrato com clube de Campinas até o fim do Campeonato Paulista do próximo ano.

Caça-Rato foi contratado pelo Remo (a sua última equipe profissional) no começo deste ano após não ter renovado contrato com o Santa. Foi recepcionado com status de popstar. Converteu a última cobrança da série de pênalti que deu o título da Copa da Amazônia em cima do Paysandu. Depois, caiu de desempenho e perdeu espaço na equipe ainda sob o comando do técnico Zé Teodoro, que o indicou, mas acabou deixando também o time paraense.

No fim da curta trajetória no Pará, o atacante ainda se queixou de salários atrasados e pediu para sair após ter marcado apenas três gols. CR7 ainda se envolveu em uma polêmica após demorar para se reapresentar.

Desde que saiu do Remo, em abril, para não ficar inativo, estava no amador Argentino Juniors, de Ipojuca – litoral sul de Pernambuco. No Santa Cruz, Caça-Rato se tornou ídolo ao fazer gols decisivos no acesso para a Série B, no ano passado, e no Pernambucano de 2013. O jogador ainda tem no currículo pelo time coral uma subida para a Série C e um estadual, em 2012.

Os grandes momentos de Flávio Caça-Rato no Santa Cruz




  • Ricardo Fernandes/DP/D.A Press

    Em seu primeiro título com  o Santa Cruz, Flávio Caça-Rato não foi tão decisivo, mas falou que ali começou sua trajetória vitoriosa no clube. O Santa Cruz venceu por 3 a 2 e foi bicampeão estadual.
  • Edvaldo Rodrigues/DP/D.A Press

    Na final de 2013, Flávio Caça-Rato foi o protagonista. Após dar a assistência do primeiro gol de Dênis Marques na primeira partida da final, o CR7 do Arruda deixou Magrão no chão e abriu o placar na vitória por 2 a 0 na Ilha do Retiro que decidiu o título estadual.
  • Ricardo Fernandes/DP/D.A Press

    Quando a tensão tomou conta do Arruda, Flávio Caça-Rato apareceu mais uma vez e garantiu o Santa Cruz na Série B em 2014. Seu gol girou o Brasil e o camisa 7 colocou seu nome de vez na história do clube.
  • Paulo Paiva/DP/D.A Press

    Flávio Caça-Rato marcou outro gol na Série C de 2014. Foi na final contra o Sampaio Corrêa e abriu o caminho para o título inédito para o Tricolor do Arruda.

Não existe uma descrição para essa imagem ou galleria

 
Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *