Últimas

Imagem do Windows 10 usada no Xiaomi Mi 4 pode se tornar pública

Da Redação do site Tudocelular.com.br

A ROM enviada a clientes sortudos da Xiaomi, usada para substituir o Android KitKat e a interface MIUI pelo sistema operacional da Microsoft, Windows 10 Mobile, pode se tornar pública, permitindo que todos os consumidores possam utilizá-la para abandonar de vez o ambiente virtual da Google. A companhia chinesa, responsável pela linha Mi, foi a primeira a permitir que seus consumidores trocassem o robozinho por outra plataforma, oferecendo suporte oficial àqueles sorteados no fórum da empresa asiática, testando o Windows 10 Mobile em seus produtos. Desta vez, quem divulga a possibilidade da imagem se tornar pública é um dos funcionários mais importantes da Microsoft, pelo menos no que diz respeito aos softwares da marca.

Um alegado diretor do instituto de engenharia de software da Microsoft, chamado apenas de TheRenaissanceMan, usou sua conta no Weibo, uma das maiores redes sociais da Ásia, para divulgar informações sobre a ROM do Windows 10 Mobile usada no Xiaomi Mi 4. “O dia de Ação de Graças está quase chegando, assim como o lançamento público do Windows 10 [Mobile] para o Mi 4”, diz o possível funcionário da gigante de Redmond, usando o seu perfil no microblog para levantar a ansiedade de quem espera por tal acontecimento desde meados deste ano, quando a fabricante oriental anunciou que iria trabalhar com a Microsoft para criar a alternativa de substituir o Android no smartphone de elite.

O dia de Ação de Graças está marcado para o dia 26 de novembro (e não no dia 28 de novembro, como se havia pensado anteriormente), portanto restam apenas três dias para que haja a confirmação, ou negação, de que a imagem do Windows 10 Mobile chegará publicamente aos usuários do Mi 4. A possibilidade é muito agradável para quem enjoou do Android, ou simplesmente gostaria de experimentar o sistema operacional da Microsoft sem comprar um novo hardware, bastando trocar a plataforma padrão, aproveitando ferramentas disponibilizadas pela própria Xiaomi para realizar tal feito. Nota-se que é recomendado ter certa experiência em manusear ROMs, incluindo a instalação e desinstalação da mesma, então muita calma antes de se aventurar por essas águas turvas.

Xiaomi Mi 4, embora não seja um dos mais poderosos do mundo, é bem capaz de rodar o ambiente virtual da empresa de Bill Gates, contando com uma tela de 5 polegadas em resolução Full HD (1920 x 1080 pixels), 3 GB de RAM, chipset Qualcomm Snapdragon 801 com processador quad-core rodando a 2,5 GHz e Adreno 330 para os gráficos, modelo com até 64 GB de memória para o armazenamento interno, câmera principal e frontal de 13 e 8 megapixels, respectivamente, bateria de 3.080 mAh e Android 4.4 KitKat na data de seu lançamento, modificado pela interface própria da Xiaomi, MIUI (versão com 5.0 Lollipop está sendo enviada desde meados deste ano de 2015). Aguardaremos até a data para confirmarmos a disponibilidade pública.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *