Últimas

Kirin 950 é anunciado como o chipset mais poderoso do mercado

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Huawei revelou hoje (05) ao mundo o seu novo chipset topo de linha, o Kirin 950. Desde o começo do semestre que vemos informações serem reveladas sobre este grande pedaço de tecnologia. A empresa produz sua solução em parceria com a HiSilicon para tentar concorrer com Samsung, Qualcomm e MediaTek. A empresa é a primeira a trazer um produto que combina os novos núcleos Cortex da ARM em implementação big.LITTLE.

Como já esperado, o Kirin 950 conta com CPU octa-core 64-bit formada por quatro núcleos Cortex-A72 trabalhando na velocidade máxima de 2,3 GHz em conjunto com mais um bloco com quatro núcleos Cortex-A53 trabalhando a 1,8 GHz. A troca pelo A57, que vemos atualmente nos modelos do mercado como Exynos 7420 e Snapdragon 810, garante um grande desempenho e consumo reduzido. Além disso, o novo chipset da Huawei chega com litografia de 16nm FinFET herdado da TSMC. Enquanto a solução da Qualcomm ainda é 20nm, mas não tão apurado quanto os 14nm da Samsung.

A empresa também incorporou um coprocessador i5, não confunda com o produto da Intel, que visa em gerenciar todos os sensores como acelerômetro e giroscópio, mantendo a CPU principal desocupada e reduzindo drasticamente o consumo de bateria. O lançamento também conta com modem 4G LTE de categoria 6 e GPU Mali T880 com quatro núcleos gráficos, sendo a opção gráfica mais potente da ARM.

Ainda não temos informações se a solução será tão potente na prática como a Huawei alega, mas a empresa realizou um teste no AnTuTu para mostrar que seu chipset consegue a façanha de marcar quase 83 mil pontos no benchmark. Só para se ter uma ideia, o Exynos 7420 fica na faixa dos 70 mil pontos, enquanto o Snapdragon 810 fica abaixo disso. A empresa alega que o lançamento já está páreo para as novidades de 2016, o que podemos esperar um nível de igualdade com o Exynos 8890 e Snapdragon 820 que devem estrear com o Galaxy S7.

Quando veremos o Kirin 950 no mercado? É esperado que o chipset seja inaugurado com o Mate 8, novo flagship da Huawei que será anunciado em 26 de novembro. Claro, nem só de chipset é feito um smartphone, mas a empresa vem apostando forte para trazer ao mercado um dos melhores lançamentos do ano. Ainda mais que as novas apostas da Samsung e Qualcomm só darão as caras em 2016, o que ajudará a atrair a atenção daqueles que desejam ter o componente tecnológico mais potente do mercado.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *