Últimas

Lumia 920 com Windows 10 Mobile 10581 contra Lumia 625 com build 10586 | Vídeo

Da Redação do site Tudocelular.com.br

A Microsoft pode lançar em breve por meio do círculo rápido de desenvolvimento a build 10586 do Windows 10 Mobile, que vem sendo tratada por todos como a versão RTM do sistema, ou seja, aquela que será disponibilizada para as fabricantes e operadoras em todo o mundo como a primeira edição estável da plataforma. Até o momento não tivemos nenhum comunicado oficial a respeito da nova compilação, sendo dito apenas que a sua distribuição pública será iniciada apenas no próximo mês de dezembro, algo que aparentemente foi adiado devido a problemas com a restauração para os padrões de fábrica encontrados por alguns usuários.

Mesmo com este alegado bug, tudo o que foi visto a respeito da nova build do WIndows 10 Mobile deixou muita gente ansiosa por sua liberação, já que ela aparenta possuir um desempenho bem superior ao que temos na atual 10586, que já é bastante estável. Com isso, temos algo semelhante ao que é visto no Windows Phone 8.1 em termos de estabilidade e fluidez, mesmo que tenham sido inseridas toneladas de mudanças para acabar com o abismo visto entre a plataforma e suas rivais. Até o momento, contudo, ambos os vídeos publicados contavam com aparelhos de hardware mais potente, já que o primeiro era de um Lumia 1520 e o segundo da variante com 1GB de RAM do Lumia 635, não havendo muitas informações sobre o desempenho em modelos mais básicos e antigos.

Buscando acabar de vez com as dúvidas, o portal WindowsMania.pl publicou um vídeo no YouTube comparando a atual compilação 10581 em um Lumia 920 com o que temos na versão 10586 em um simples Lumia 625. Vale destacar que ambos os modelos contam com chipset dual-core e que o segundo deles possui apenas 512MB de RAM, o que significa que é possível termos uma boa ideia de como a versão RTM do sistema se portará em smartphones mais modestos.

[embedded content]

Como pode ser visto, o simples Lumia 625 por muitas vezes consegue ser mais veloz que o antigo flagship na abertura dos aplicativos, além de até mesmo ganhar em determinados momentos na hora de trazê-los novamente à tela quando trabalhando em segundo plano, o que é surpreendente se notarmos a diferença de hardware entre ambos. Além disso, pode ser acompanhada a fluidez do sistema como um todo, sendo executados todos os principais aplicativos nativos e até mesmo alguns disponibilizados por terceiros.

Considerando que esta seja realmente a versão que chegará aos usuários com Windows Phone 8.1 em breve, podemos acreditar que estes não ficarão desapontados após o update, pois além de receberem uma plataforma quase que totalmente reformulada ainda contarão com a mesma estabilidade e fluidez que fez a linha Lumia ficar conhecida principalmente entre as faixas mais modestas de preço.

(atualizado em 06 de novembro de 2015, às 10:28)

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *