Presidente da Samarco pede desculpas em rede nacional

Depois de 17 dias do rompimento da Barragem do Fundão, em Mariana, o presidente da Samarco, Ricardo Vescovi, pediu desculpas a todos os atingidos pela tragédia que devastou povoados e encheu de lama o Rio Doce e seus afluentes, até a chegada ao mar, no Espírito Santo.

Em entrevista ao Fantástico, da Rede Globo, ele se desculpou com as pessoas que foram afetadas, os que perderam casas e familiares, ribeirinhos, pescadores, comunidades que têm os rios como fonte de sustento e as população de Minas Gerais e do Espírito Santo, assim como aos funcionários da mineradora.

Vescovi reconheceu ainda que o sistema de alerta da empresa não funcionou na hora da catástrofe, disse que a perda de vidas “não é admissível” e informou que foram instalados dois botões de alerta, na sala de monitoramento de barragens da empresa, para aviso imediato às comunidades e funcionários em caso de acidente com alguma das outras duas barragens do complexo de Mariana (Germano e Santarém).

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *