Últimas

Programa Raul Gil: Com Antônia Fontenelle, Elas Querem Saber estreia nova temporada recebendo Marcelo Tas

Raul Gil apresenta nesse sábado, 28, às 14h15, a nova temporada do “Elas Querem Saber”. Agora o quadro tem uma nova integrante, Antônia Fontenelle se junta a Thammy Miranda, Sheila Mello e Ciça Camargo para sabatinar os convidados.

 Foto: Rodrigo Belentani/SBT

Para abrir essa nova temporada, o convidado deste programa é Marcelo Tas. O apresentador revela como é a relação entre ele e seu filho transgênero, conta como foi sua saída do CQC e dá dicas de como conquistar uma mulher através do humor.

Confira as melhores frases do quadro:

“Eu tenho um filho, o Luc, que é transgênero. Ser transgênero é um processo de cada pessoa” (sobre o filho transgênero)
“O povo acha que isso é assunto de gente moderninha, mas o Brasil convive com esse assunto do transgênero. Muita gente sofre violência e é assassinada por conta da ignorância que tem em relação a esse assunto” (sobre o preconceito aos transgêneros)
“É a inquietação dele com ele mesmo, ele viu que se via como homem e não com mulher. Na hora certa tive uma conversa com ele e não é uma conversa fácil. (sobre o processo de mudança do filho)
“Precisamos tratar isso com afeto, precisamos acolher antes de sair julgando e antes de sair incitando a violência. A gente não merece devolver com violência uma coisa que é particular da vida de cada um. O importante é a gente ser feliz com a gente em primeiro lugar” (sobre os trangêneros)
“Pra estar na televisão, eu preciso estar por inteiro e chegou uma hora que eu percebi que a renovação que o programa oferecia não era o suficiente para mim. (sobre sua saída do CQC)
“Não tenho visto, pois tenho um programa no mesmo horário no GNT” (sobre se assiste o CQC)
“Quem não fica seguro com a relação pode ser que não dê tanta importância com a relação. A insegurança é parte da vida de todos nós” (sobre relacionamentos)
“É bom que o homem tenha medo da mulher. As mulheres são mais sinceras, são mais inteligentes no mundo que a gente vive hoje, têm muito mais coragem.”
“O cara errou a mão. Eu mesmo já errei. Ele não reconheceu que errou. Queria ter razão e ficou uma coisa chata” (sobre a atitude de Rafinha Bastos quando fez uma piada com a cantora Wanessa grávida)
“A televisão precisa de audiência. O grande mistério é fazer coisas que dão audiência, fazendo aquilo que a gente gosta e acredita” (sobre a televisão)
“Sempre tive sorte de fazer aquilo que gosto”
“A gente dava um pau na Xuxa na época do RA-TIM-BUM” (sobre o programa infantil para participava)
“A televisão precisa aprender com a internet. Precisa entender essa revolução, senão (a tevê) ela está frita (sobre o atual cenário da tv e internet)
“A crítica toca a gente num lugar que não estávamos preparados” (sobre as críticas na internet)
“Eu jamais briguei com a Monica (Iozzi) no CQC” (sobre boatos de briga com Monica Iozzi)
“Ela não é só uma atriz, é uma grande comunicadora” (sobre Monica Iozzi)
“Fui muito namorador” (Se foi namorador no passado)
“O problema do careca é quando ele está em dúvida se ele é mesmo careca”
“Um dia você olha no espelho e fala: Sou careca e sou gostoso”
“A porta para a conquista é o sorriso da mulher. O humor é a porta para o amor”
“Eu sempre fui rico. Sempre gastei menos do que ganho” (Se ficou rico trabalhando na tevê)
“Tem que botar todos ajoelhados no milho” (sobre os governantes que roubam)
“Já chamaram, mas não topo” (para entrar na política)
“Fiquei honrado pelo convite da Marina Silva para o Senado da República, mas disse, com muita emoção, que não é a minha vocação” (sobre o convite de Marina Silva para ser senador)

Raul Gil faz uma grande homenagem para o grupo Aviões do Forró. Vários artistas e amigos contaram histórias emocionantes sobre a carreira e vida pessoal da banda, como: Isaias Duarte, Nando Cordel, Guilherme Arantes, Ludmilla, Bell Marques, Henrique e Juliano, Xanddy, Valesca, entre outros. Ao final do quadro, cantam “Banda de Flores” e “Safadim”.

No quadro “Eu e as Crianças” Raul recebe Paula Fernandes, que faz uma surpresa para a pequena Lavínia e juntas cantam “Pássaro de Fogo”. Paula ainda emocionada canta “Paz desse amor”, “Amanhecer”, “Pra Você” e “Eu sem você”. 

 
PROGRAMA RAUL GIL
Neste sábado, às 14h15

Fonte: SBTpedia (www.sbtpedia.com.br)

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *