Últimas

Revoltado com arbitragem, vice-presidente do Sport sugere complô contra futebol nordestino

O motivo de toda a indignação foram três supostos pênaltis não marcados a favor do Sport pelo árbitro goiano André Luiz de Freitas Castro. Um no primeiro tempo sobre o meia Marlone e dois na etapa final. O primeiro em cima do atacante Hernane Brocador e o segundo após a bola tocar no braço do lateral Bruno Pereirinha dentro da área, apesar do braço do jogador estar colado ao corpo.

“Não tenho o hábito de falar após os jogos porque normalmente se está de cabeça quente e a emoção normalmente não é uma boa conselheira. Mas, diante de tudo o que aconteceu, é preciso registrar que, enquanto houver interesses dirigidos no comando do futebol e enquanto esses interesses não sejam o de uma luta limpa dentro de campo, nós nordestinos teremos muita dificuldades de se sobressair no Campeonato Brasileiro. O arbitro nos prejudicou de uma maneira revoltante”, bradou o cartola.

“A arbitragem não deu dois pênaltis flagrantes contra o Sport, um em cima de Marlone no primeiro tempo e outro sobre Hernane no segundo. E há quem fale em três por conta do lance da bola na mão que, certamente fosse contra o Sport, seria marcado. Infelizmente, o que se faz dentro de campo é pouco para se decidir os destinos de uma competição. Esse campeonato está maculado e sobre ingerencia de interesses que beneficiam alguns e prejudicam outros”, continuou.

Ainda acredita na Libertadores
No entanto, apesar da revolta contra a arbitragem, o vice-presidente leonino evitou dar o sonho pela Libertadores como encerrado. Para Arnaldo Barros, o Sport segue na luta, mesmo a três pontos do G4 e restando apenas mais duas rodadas. “Quero dizer que ainda estamos na briga contra tudo e contra todos.  O Sport bravamente continuará resistindo. Nossa equipe foi aguerrida e lutou do primeiro ao último minuto”, finalizou.

Fotos: Sport encara o Atlético-PR de portões fechados na Ilha




  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados
  • Paulo Paiva/ DP / D. A Press

    Sport x Atlético Paranaense se enfrentam pelo Brasileiro da Série A de 2015 com portões fechados

Não existe uma descrição para essa imagem ou galleria

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *