Santa Cruz ainda não sabe se terá compensação financeira por empréstimo do Arruda ao Náutico

Paulo Paiva/DP/D.A Press

Manutenção do estádio para o jogo fica em torno de R$ 50 mil e fica sob responsabilidade da FPF

Ainda não se sabe se o empréstimo do Arruda ao Náutico para o jogo contra o Bahia, em 21 de novembro, vai render uma compensação financeira para o Santa Cruz. Os representantes do clube coral ainda não conversaram com a Federação Pernambucana de Futebol sobre o repasse do dinheiro do arrendamento. O presidente Alírio Moraes, porém, afirma que os corais não terão prejuízos, já que as operações de manutenção do estádio para a partida – que giram em torno de R$ 50 mil – ficaram a cargo da própria FPF.

Saiba mais

“Falei com a Federação e, pelo menos, o valor para a manutenção do Arruda está por conta deles. Sobre uma compensação financeira, ainda não foi tratado nada. Não deliberamos nada sobre isso com Evandro Carvalho (presidente da FPF). Ele está em viagem, mas, quando ele voltar, podemos estar discutindo isso”, falou Alírio Moraes. Assim como não foi definida uma possível remuneração, o Santa Cruz também não foi definiu se o jogadores do Timbu poderá fazer algum treino no José do Rêgo Maciel. “Essa questão sequer nos foi solicitada.”

O presidente tricolor contemporizou também qualquer tipo de crítica da torcida do Santa Cruz por causa do empréstimo ao rival. “A gente só pode esperar uma reação negativa quando uma decisão pode interferir no regulamento. Se a gente tivesse jogo no Arruda pouco tempo antes ou depois, poderia até ser alegado algum prejuízo. Não é o caso”, falou. “Os estádios ficam à disposição de quem organiza o campeonato. O Náutico colocou objeções para não jogar na Arena Pernambuco, e isso não cabe a gente fazer juízo de valor, e fomos só comunicados para realizarmos o empréstimo. Não achamos problema”, emendou, cortês, o presidente.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *