Senha do iPhone pode ter até 90 dígitos; saiba como configurar

Como padrão, o sistema operacional do iPhone e do iPad exige uma senha de 4 dígitos para que o usuário desbloqueie a tela e tire proveito de seu aparelho. Mas e quando o dono do celular ou tablet requer um nível maior de segurança por parte de seus produtos – como os 40 dígitos na senha desta pessoa?

Desde o iOS 6, donos de iPhone podem configurar uma senha de acesso com letras e outros caracteres especiais além de números, podendo chegar a até 90 dígitos no iOS 7. Desse modo, fica quase impossível para que outra pessoa tenha acesso ao seu celular – ou até mesmo para que você consiga desbloqueá-lo.

Para estabelecer uma senha realmente complexa, comece tocando no ícone de Ajustes na tela inicial do sistema. Em seguida, clique na guia “Touch ID e Código”. Em algumas versões mais antigas do iOS, esta opção se encontra dentro da guia “Geral” identificada como “Bloqueio por Código”.

Reprodução

Após digitar sua senha atual, você verá a opção “Código Simples” com um botão de “ligado e desligado” à direita. Toque para desativar essa opção e então insira sua senha atual novamente. Uma vez feito isso, você tem acesso ao teclado completo do iOS para digitar a sequência de caracteres que quiser.

Se você preferir, o mesmo menu de opções de código permite o registro de uma impressão digital (caso seu iPhone possua o recurso Touch ID). É também possível desativar o limite de 4 dígitos simplesmente tocando em “Alterar Código” e, depois, em “Opções de Código” nas versões mais novas do iOS.

Mas por que usar uma senha tão complexa? Com apenas 4 dígitos, o número de combinações possíveis gira em torno de 10 mil possibilidades, sendo que muitos usuários acabam usando sequências óbvias como 1234 e datas de nascimento. Com um acréscimo de apenas mais 2 dígitos, totalizando 6, as possíveis combinações chegam a 200 bilhões.

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *