Últimas

Serra da Barriga pode se tornar Patrimônio Cultural Mundial

No mês em que se celebra a resistência e memória viva do líder negro, Zumbi dos Palmares, representantes do poder público e sociedade civil participaram, nesta quarta-feira, 18, de um seminário para discutir temas sobre a importância do turismo na Serra da Barriga e a valorização da cultura de matriz africana para o Brasil.

O evento promovido pela Fundação Cultural Palmares (FCP), em parceria com os poderes públicos estadual e municipal, aconteceu no município de União dos Palmares.

Na ocasião, a presidente da Fundação Cultural Palmares, Cida Abreu, falou da importância da Serra da Barriga para a cultura brasileira.

“Precisamos entender o significado deste patrimônio e fomentar o turismo para transformar o local em referência mundial. Estamos todos reunidos para construir as diretrizes para esse fomento, pois nós somos os agentes transformadores e valorizamos este território nacional de resistência”, justificou a presidente.

Cida Abreu reconheceu a distância da instituição à região, mas se comprometeu em mudar a realidade e construir políticas permanentes de desenvolvimento para o local. “Uma das propostas mais importantes desta gestão da FCP é junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), indicar a Serra da Barriga à ONU para se tornar Patrimônio Cultural Mundial”, revelou a presidente.

O secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico e Turismo, José Lessa, destacou o grande potencial cultural e turístico que existe em União dos Palmares.

“Nós possuímos o que nenhum lugar tem. Foi na Serra da Barriga a maior luta pela igualdade e liberdade do mundo. Promover este lugar, além de fomentar a história do Brasil e o turismo educacional, vai diversificar a economia local”, enfatizou José Lessa.

Nesta quinta-feira, 19, uma comitiva dos poderes federal, estadual e municipal fará uma visita técnica à Serra da Barriga e nesta sexta-feira, 20, será comemorado o Dia da Consciência Negra com uma vasta programação na região, que contará com a presença do ministro da Cultura, Juca Ferreira.

 

Assessoria

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *