Snapdragon 820 poderá revolucionar biometria com a tecnologia SenseID

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Qualcomm anunciou hoje o seu novo chipset todo poderoso, Snapdragon 820. A novidade realmente conta com muitas tecnologias interessantes e uma revelada no Snapdragon 810 e que acabou sendo ignorada pelas fabricantes também estará disponível para o novo chipset – SenseID. A novidade trouxe uma nova tecnologia ultrassônica que promete revolucionar a biometria em smartphones. Atualmente, vemos várias companhias investirem em sensores para a leitura de nossas digitais, mas é necessário fazer a implementação em um botão dedicado, seja no iPhone ou nos novos smartphones da linha Galaxy. Com a solução da Qualcomm, isso não será mais necessário, pois a tecnologia pode ser incluída no próprio vidro que reveste e protege a tela do seu celular.

A parte mais interessante é que a novidade da Qualcomm permite ler o seu dedo mesmo que ele esteja molhado, suado ou até sujo. Isso garante um nível de precisão que não encontramos hoje, sendo ainda mais difícil de ser burlado. Infelizmente, vimos vários smartphones serem lançados com Snapdragon 810 no mercado, mas nenhum deles implementou o SenseID da Qualcomm. A empresa soltou uma mensagem em sua conta no Twitter onde informa que a tecnologia chegará junto com o Snapdragon 820 para as fabricantes, mas cabe a elas decidirem usá-la ou não.

Qualcomm também afirma que sua nova tecnologia de ultrassom 3D tem o poder de “penetrar as camadas externas da pele, detectando detalhes tridimensionais e características das impressões digitais únicas, incluindo cumes de impressões digitais e até os poros”, tornando-se quase impossível que seja hackeada e sua digital copiada e usada por outra pessoa. Ainda não foi revelado como será na prática, mas a nova tecnologia certamente deve trazer um processador de dados especial para gerenciar o leitor biométrico deixando a CPU livre para outras tarefas.

Vamos esperar que as empresas deem a atenção devida à tecnologia, já que algumas incluem um botão home físico apenas para oferecer uma solução de biometria, mesmo que o smartphone conte com botões virtuais de navegação, como vimos no One A9 – o que não mostra uma solução muito elegante. A tecnologia também poderia ajudar Samsung a finalmente abandonar o botão físico da linha Galaxy e finalmente ceder o desejo da Google de ter um controle virtual feito na própria tela do aparelho. Mas as variantes com Exynos poderiam impedir que isso acontecesse.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *