Últimas

Texas executa condenado à morte por triplo infanticídio

Texas executou um preso condenado à morte em 2002 por ter provocado um incêndio no qual morreram três crianças, entre elas sua filha de um ano. Foto: Getty/AFP Mark Wilson
Texas executou um preso condenado à morte em 2002 por ter provocado um incêndio no qual morreram três crianças, entre elas sua filha de um ano. Foto: Getty/AFP Mark Wilson

O estado americano do Texas executou na madrugada de hoje um preso condenado à morte em 2002 por ter provocado um incêndio no qual morreram três crianças, entre elas sua filha de um ano.

Raphael Holiday, um negro de 36 anos, recebeu uma injeção letal no presídio do Texas, e morreu às 20H30 (00H30 de Brasília), informou a administração penitenciária.

Holiday mantinha uma disputa com a esposa, a quem não podia ver por ordem judicial.

No entanto, na noite de 5 de setembro de 2000, Holiday invadiu a casa da família armado.

Sua esposa fugiu para buscar ajuda, deixando as filhas com a avó, que foi obrigada a jogar gasolina na casa, onde ele ateou fogo.

Além de sua filha, morreram suas duas enteadas.

Em 2015, o estado de Texas procedeu à execução de 13 pessoas, exatamente a metade do total de execuções realizadas este ano nos Estados Unidos, segundo o Centro de Informação sobre a Pena de Morte.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *