Últimas

'The Voice Brasil': Reality entra na fase das batalhas


Quem tiver mais voz e carisma sairá na frente na corrida ao prêmio de R$ 500 mil


Camila Botto
(camila.botto@redebahia.com.br)

A partir desta quinta-feira (5), depois de A Regra do Jogo, o ‘The Voice Brasil’ entra em sua fase decisiva na Globo/TV Bahia. Com os times de Michel Teló, Lulu Santos, Claudia Leitte e Carlinhos Brown formados, quem tiver mais voz e carisma sairá na frente na corrida ao prêmio de R$ 500 mil e contrato com a gravadora ‘Universal Music’. 

Ainda é cedo, mas já há alguns candidatos se destacando e apontando como possíveis favoritos na disputa. Entre eles, estão as candidatas Negra Mary, do time de Lulu, com seu timbre firme e doce; Thaís Moreira, também do time Lulu, que encantou os quatro jurados logo nas primeiras estrofes, e Renato Vianna, que está no time de Teló. 

The Voice Brasil: Reality entra na fase das batalhas (Foto: GShow)

“O fato é que essa história de ter time muito forte você acaba municiando o time dos outros. Você sabe que tem que perder seis candidatos… E esse é o pior momento da competição. Fica tenso, vê os sonhos desfeitos… Aquilo é dolorido para a gente”, diz Lulu.

A partir de agora, duplas do mesmo time se enfrentam, mas só um dos participantes segue na disputa. “O xadrez começa na hora que eles montam as duplas”, acredita Tiago Leifert. Para os técnicos, o The Voice Brasil é uma grande oportunidade. “É um grande palco”, afirma Michel Teló. 

As batalhas marcam, ainda, a estreia dos assistentes Alexandre Pires, Rogério Flausino, Di Ferrero e Luiza Possi, que se juntam à Claudia, Brown, Lulu e Teló, respectivamente. “Foi emocionante do início ao fim e me senti privilegiado em ter esta experiência ao lado da Claudia. Foi demais”, diz Alexandre Pires, que estreia na função.

Di Ferreiro, por sua vez, volta a fazer dobradinha com Lulu. “Tem muita gente boa e talentosa, então as batalhas estão dificílimas. Energia a mil”, pontua. “Temos o papel de dar assistência, mas aprendemos demais também. Somos todos músicos, e a troca é um ganho que levo comigo. É uma experiência boa demais”, emenda Flausino, pelo quarto ano na atração. “A gente cresce junto a cada temporada. E nem parece que o Teló começou agora. Mandou bem demais. Adorei cada minuto”, diz Luiza.

Após os dois programas de batalhas, o jogo começa sua nova fase: Rodada de Fogo, onde três de cada time seguem direto para os shows ao vivo, enquanto outros quatro se enfrentam novamente.

Tags:Batalha, The Voice Brasil, Música, Nem Te Conto

Fonte: iBahia.com.br
Matéria publicada pelo site iBahia. Todos os créditos e direitos para o referido portal.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *