Últimas

Usuários do Nexus 6P reclamam de 'quebra espontânea' do vidro traseiro

Da Redação do site Tudocelular.com.br

A paixão de quem está realmente interessado em adquirir uma unidade do Nexus 6P pode diminuir fortemente após ler esta matéria, estejam avisados. De acordo com vários usuários na rede social Reddit, o phablet com o Android puro está apresentando uma possível ‘quebra espontânea’ no vidro que protege as lentes da câmera principal e o LED usado para o flash, localizado no painel posterior da estrutura, onde há a parte protuberante e a infame faixa escura. A palavra ‘espontânea’, usada pelo autor da publicação de origem, já revela o tamanho da inconveniência encontrada na situação, pois, aparentemente, não há motivos que explicam o material quebradiço. Felizmente, uma imagem em anexo retratou o ocorrido:

Nota-se que a superfície tornou-se completamente quebradiça, deixando de mostrar qual ponto de impacto foi o responsável por resultar na destruição da área de vidro, relembrando que os usuários dizem não terem derrubado suas unidades de Nexus 6P, por isso tal espontaneidade. Huawei e Google, as duas companhias envolvidas na idealização e fabricação do dispositivo portátil, ainda não se pronunciaram oficialmente acerca do assunto, portanto não há confirmação oficial de que elas estejam cientes da falha identificada no phablet, nem muito menos a causa provável que solucione o mistério envolvendo a parte traseira do modelo e o possível dano casual. Para a alegria dos interessados, todavia, os membros do Reddit possuem suas teorias.

Nas palavras de um participante do fórum, há a possibilidade do vidro estar se quebrando ‘sozinho’ em razão de um gerenciamento pobre de temperatura, tentando abaixar rapidamente o calor que se encontra na área descrita, resultando em um choque térmico que ocasiona no estilhaçamento do material, revisando que o chipset em uso, Qualcomm Snapdragon 810, dá brechas a esta teoria. Outro usuário afirma que o ocorrido pode ser explicado pelo método de temperamento do Gorilla Glass, usado na superfície em questão, ironicamente reduzindo sua capacidade de absorver impactos sem sofrer estragos, dependendo do ângulo de colisão ou de pressão, explicando a facilidade de quebra reportada pelos consumidores.

Huawei Nexus 6P

Nesta altura do tópico, é impossível confirmar que todos os exemplares de Nexus 6P enfrentam a mesma falha, então seria sensato aguardar até que a Huawei ou Google venham a público para oferecer suporte. Ainda assim, o phablet permanece no topo da lista dos celulares mais poderosos no mercado atual de telefonia móvel, contando com uma tela de 5,7 polegadas WQHD (2560 x 1400 pixels), 3 GB de RAM, chipset Qualcomm Snapdragon 810, incluindo o processador 64-bit de oito núcleos, podendo alcançar 2,0 GHz de clock, e Adreno 430 para os gráficos, modelos com 16 GB, 64 GB e 128 GB de memória para o armazenamento interno, não havendo a possibilidade de expandi-la via cartão microSD, câmera principal de 12,3 megapixels e frontal de 8 megapixels, LED posterior para o flash (duplo), suporte ao conector universal USB Type-C, bateria de 3.450 mAh e o Android 6.0 Marshmallow como sistema operacional.

Caso a Huawei e o Google, enfim, divulguem uma nota oficial sobre o ocorrido, atualizaremos esta matéria.

<!–

Se curtiu, compartilhe!

setTimeout(“loadSocialButtons()”, 300);
–>
Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *