Últimas

Vice-artilheiro do Brasileiro, atacante do Sport desabafa e afirma: "O André valeu a pena"

Ricardo Fernandes/DP/D.A Press

“É gostoso terminar o ano assim. Acabei dando a volta por cima aqui no Sport”, disse André

Saiba mais

Com o gol marcado sobre o Corinthians, o segundo na vitória do Sport por 2 a 0, neste domingo, na Arena Pernambuco, o atacante André chegou a 13 no Campeonato Brasileiro, isolando-se na vice-artilharia da competição e coroando uma temporada em que venceu as desconfianças. Isso porque, antes de chegar ao Leão, em junho, o jogador vinha de uma passagem decepcionante no Atlético-MG onde chamou mais a atenção pelo que fazia fora de campo, com várias polêmicas. Por tudo isso, o camisa 90 desabafou após partida. Um ano em que o próprio definiu como o da “volta por cima”.

“É gostoso terminar o ano assim. Acabei dando a volta por cima aqui no Sport. Lembro que quando cheguei aqui o Eduardo (Baptista, ex-técnico do Sport) me disse que havia recebido ligações de dez pessoas dizendo que não era para o Sport ter me contratado e que eu calasse a boca dessas pessoas dentro de campo. Se o Eduardo estiver me escutando, agora ele já pode ligar para essas dez pessoas e dizer que contratar o André valeu a pena”, afirmou o atacante.

Com a volta por cima no Campeonato Brasileiro, consequentemente o jogador termina a Série A valorizado. O que, em tese, dificulta a sua permanência na Ilha para o próximo ano. No entanto, apesar do futuro indefinido, André fez questão de ressaltar que tem o interesse de permanecer no Sport. 

“Todo mundo quer ficar onde é feliz e eu estou feliz no Sport. A cidade me acolheu muito bem e a torcida também. Mas a permanência não depende só de mim. Envolve muita coisa”, lembrou o jogador, que tem seus direitos econômicos presos ao Atlético-MG. “Por tudo o que nós fizemos, acho injusto o Sport terminar fora do G4. Mas, pelo menos, fechamos com chave de ouro o Brasileiro em casa. Ganhar do time que foi campeão brasileiro é sempre muito bom.”

Fotos: Os maiores artilheiros do Sport na história da Série A




  • Inês Campelo/DP/D.A Press

    No Campeonato Brasileiro de 2009, o Sport foi rebaixado como lanterna. Mas Wilson conseguiu se sagrar artilheiro rubro-negro na competição, com 8 gols...
  • Helder Tavares/DP/D.A Press

    ... ao lado de Fabiano, que sempre se notabilizou por fazer muitos gols de cabeça. Se o time não criava com a bola rolando, era ele quem aparecia para resolver nas bolas paradas.
  • Ricardo Fernandes/DP/D.A Press

    O Sport voltou à Série A em 2012 e foi novamente rebaixado. Em termos de gols, o destaque foi do meia Hugo, que chegou no meio do certame mas ainda conseguiu atingir a marca de 8 gols.
  • Arquivo/DP/D.A.Press

    No Brasileiro de 1982, o artilheiro leonino foi Roberto Coração de Leão. Na lista histórica de goleadores do Sport em Brasileiros, o atacante está empatado com Hugo, Fabiano e Wilson, com 8 gols.
  • Narciso Lins/DP/D.A Press

    Conhecido como Nando Lambada, o atacante não era unanimidade entre os torcedores, mas com 8 gols, foi artilheiro do Sport justamente no ano em que o clube conquistou seu único título brasileiro, em 1987.
  • Edvaldo Rodrigues/DP/D.A.Press

    Conhecido como Nando Lambada, o atacante não era unanimidade entre os torcedores, mas com 8 gols, foi artilheiro do Sport justamente no ano em que o clube conquistou seu único título brasileiro, em 1987.
  • Arquivo/DP/D.A.Press

    Com 9 gols no Brasileirão de 1997, Didi ficou marcado na história do Sport como um dos maiores artilheiros do clube em Campeonatos Brasileiros.
  • Heitor Cunha/DP/D.A Press

    Com 9 gols no Brasileirão de 1997, Didi ficou marcado na história do Sport como um dos maiores artilheiros do clube em Campeonatos Brasileiros.
  • Otavio de Souza/DP/D.A Press

    O bigode de Luiz Müller ficou famoso entre a torcida rubro-negra. Mas o ponto alto da passagem do atacante pela Ilha do Retiro foi no Brasileiro de 1996, quando ele marcou 10 gols.
  • Ricardo Fernandes/DP/D.A Press

    Roger saiu do Sport e não deixou saudades. Mas foi importantíssimo em uma das melhores campanhas do clube no Brasileirão, em 2008. Naquele ano, o atacante foi às redes 11 vezes.
  • Ayron Santos/DP/D.A Press

    Também com 11 gols, Marcelo foi o artilheiro do Sport no Campeonato Brasileiro de 1995.
  • Ayron Santos/DP/D.A Press

    Também com 11 gols, Marcelo foi o artilheiro do Sport no Campeonato Brasileiro de 1995.
  • Arquivo/DP/D.A.Press

    Marcado no Sport pelos 10 gols feitos em um jogo do Pernambucano, Dadá Maravilha também entrou na história do Leão em Brasileiros. Em 1975, ele fez 12 tentos, sagrando-se artilheiro rubro-negro naquela edição do certame.
  • Arlindo Marinho/DP/D.A.Press

    Outro que está à frente de André nessa lista é Mauro. Ele foi artilheiro do Sport no Brasileiro de 1978, com 12 gols.
  • Arquivo/DP/D.A.Press

    Outro que está à frente de André nessa lista é Mauro. Ele foi artilheiro do Sport no Brasileiro de 1978, com 12 gols.
  • Edvaldo Rodrigues/DP/D.A.Press

    O segundo lugar histórico da artilharia do Sport em uma edição de Brasileiro é de Carlinhos Bala. Autodenominado Rei de Pernambuco, o atacante foi às redes 13 vezes no Brasileirão de 2007.
  • Heitor Cunha/DP/D.A Press

    Ao lado de Carlinhos Bala, o segundo maior artilheiro do Sport em uma edição do Brasileirão foi o ídolo Leonardo. Na última grande campanha do Leão, em 2000, o baixinho atingiu a marca de 13 gols.
  • Paulo Paiva/DP/D.A.Press

    Um dos destaques do Sport na Série A, André tem 13 gols marcados na Série A e está a um de fazer história no clube.
  • Joao Carlos Lacerda/DP/D.A Press

    Isolado na liderança está Luís Carlos. O atacante foi o artilheiro do Sport no Campeonato Brasileiro de 1985, alcançando o número de 14 gols - a meta de André para o restante do Brasileirão de 2015.

Não existe uma descrição para essa imagem ou galleria

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *