Últimas

Visitas fazem tumulto em frente ao Cotel

Uma suposta rebelião dentro do Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, Região Metropolitana do Recife, gerou tumulto por parentes dos detentos, em frente à unidade prisional, na tarde deste domingo (08). Segundo informações dos agentes penitenciários, por volta das 15h, as mulheres que estava em visita dentro do Cotel, saíram com o boato de que os detentos fariam uma rebelião. Desde a morte de uma pessoa dentro da unidade, na semana passada, o clima entre os pavilhões ficou muito instável.

Antes do término das visitas, programado para as 16h, as mulheres foram retiradas pela tropa de choque do Sistema Penitenciário. Por falta de informações e pela iminência da rebelião dentro do presídio, as mulheres fizeram uma barricada de lixo e atearam fogo, aumentando a tensão do lado de fora.

Três tiros de bala de borracha foram disparados para dispersar a confusão e seis mulheres foram convidadas a entrar novamente no Cotel para conferir a normalidade da situação dentro dos pavilhões. Ao saírem, elas informaram às outras mulheres que o clima havia se normalizado. A confusão foi dispersada por volta das 17h30.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *