Últimas

Anac: Demanda doméstica das companhias aéreas cai 7,5% em novembro

A demanda doméstica de passageiros no setor aéreo registrou queda de 7,5% em novembro em relação ao mesmo mês de 2014, segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Esse é o quarto mês consecutivo de queda da demanda, após 22 meses de crescimento. Já a oferta registrou redução de 3,6% no mesmo período. Com o resultado do mês, a demanda doméstica acumula alta de 1,7% no ano e a oferta, aumento de 1,5%.

“Entre as principais empresas aéreas brasileiras, apenas a Avianca apresentou crescimento na demanda doméstica em novembro de 2015, quando comparada com o mesmo mês de 2014, da ordem de 16%. Azul, Gol e TAM registram retração de 4,5%, 10,8% e 11,9%, respectivamente”, destacou a Anac, em comunicado.

O número de passageiros no mercado doméstico em novembro atingiu 7,6 milhões, queda de 7,4% na relação anual. De janeiro a novembro, a quantidade de passageiros domésticos transportados teve crescimento de 0,8%, na mesma base de comparação.

De acordo com a Anac, a taxa de aproveitamento das aeronaves em voos domésticos operados por empresas brasileiras em novembro foi de 77,9%, queda de 4% em relação ao mesmo mês de 2014. No acumulado de janeiro a novembro, o aproveitamento doméstico foi de 79,8%, alta de 0,3% ante o mesmo intervalo de 2014.

TAM e Gol lideraram o mercado doméstico em novembro de 2015, com participações de 36,7% e 34,9%, respectivamente. A TAM registrou queda de 4,8% em sua participação de mercado, enquanto a Gol teve redução de 3,5% neste indicador. A participação das demais empresas somadas foi de 28,5%.

Internacional 

A demanda internacional de passageiros das aéreas brasileiras em novembro subiu pelo 21º mês consecutivo, com aumento de 8,5%. Já a oferta internacional registrou o 16º mês consecutivo de expansão, com alta de 10,6% na comparação anual.

“Tanto a demanda quanto a oferta internacional foram recorde para o mês de novembro nos últimos dez anos”, destacou a Anac. No acumulado de janeiro a novembro de 2015, a demanda internacional aumentou 14,25% em relação ao mesmo período de 2014, enquanto a oferta internacional cresceu de 16,1% no período.

A TAM registrou alta de 3% na demanda por transporte aéreo internacional de passageiros em novembro, enquanto o indicador da Gol registrou queda de 12,4%. Na participação de mercado, a TAM se manteve na liderança, com 79,9% – a Gol obteve 12,7% e a Azul registrou 7,3%. A TAM registrou queda de 5% na sua participação no mercado internacional em novembro, e a Gol caiu 19,3% no mesmo período.

O número de passageiros pagos transportados por empresas brasileiras no mercado internacional em novembro atingiu 573,1 mil, com aumento de 8,6% em relação ao mesmo mês de 2014. Conforme a Anac, trata-se da maior quantidade de passageiros transportados em voos internacionais por empresas brasileiras registrada para o mês nos últimos dez anos.

A taxa de aproveitamento dos assentos das aeronaves em voos internacionais das empresas brasileiras caiu 1,9% em novembro de 2015 quando comparado com o mesmo mês do ano anterior, ficando em 79,2%.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *