Busca por phablets neste natal foi duas vezes maior que no ano anterior

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Se você vem acompanhando o mercado de smartphones há alguns anos, então já deve ter percebido que os celulares estão ficando cada vez maiores. Há pouco tempo era normal encontrar uma boa quantidade de aparelhos topo de linha com menos de 5 polegadas – coisa quase impossível nos dias atuais. Para quem ainda resiste à tendência dos phablets (se é que esta categoria ainda faz sentido), acaba ficando preso a aparelhos mais simples que oferecem um tamanho mais compacto, com exceção de alguns modelos pequenos e com hardware de flagships como a linha Z Compact da Sony.

Uma prova que os usuários estão cada vez mais adeptos de aparelhos com tela grande está no novo relatório liberado pela análise do mercado móvel Flurry. Durante o período festivo de fim de ano (entre os dias 19 e 25 de dezembro) quando é registrada a maior venda de celulares no mercado, foi constatado que 50% dos smartphones vendidos com sistema Android são considerados phablets – dispositivos com tela entre 5 e 6,9 polegadas. Os modelos mais tradicionais (com tela entre 3,5 e 4,9 polegadas) representaram 35% das vendas, enquanto os modelos mais compactos ficaram apenas com 3%. Os tablets entram com 12% da cota total.

Já no iOS, diante das poucas opções de aparelhos com o sistema da Apple, vemos resultados diferentes: sendo 65% das vendas voltadas para aparelhos de tamanho convencional, enquanto phablets (representados aqui pelo iPhone 6 Plus e 6s Plus) com apenas 12%. O iPad ainda rendeu 23% do número de vendas com o sistema da Maçã, mostrando que o mercado de tablets realmente está em queda, mas que o iPad ainda vende bem comparado aos rivais com Android.

Fazendo um comparativo com os anos anteriores, podemos notar que em 2014 foram registrados 13% novos phablets no mesmo período de venda. Já em 2013, este segmento era ainda menor, com apenas 4%. De lá para cá vimos os phablets crescerem para 27% levando em consideração ambos os sistemas, o que mostra um crescimento bastante acentuado de um ano para outro. Com isso, podemos esperar ver ainda mais aparelhos sendo lançados com tela grande em 2016, já que o público vem demonstrando ter interesse por eles.

Por fim, o relatório também mostra quais empresas tiveram mais smartphones registrados neste período. As vendas contabilizam apenas smartphones que foram ativados e realizaram download de apps durante o período analisado, onde já era esperado ver a Apple em primeiro com 49,1% dos aparelhos registrados entre os dias analisados, apesar de a gigante de Cupertino ter registrado números menores que os do ano passado (51,3%). Samsung vem em segundo com 19,8% (crescimento de 2,1% comparado a 2014), seguida de Nokia (2%), LG (1,7%) e Xiaomi (1,5%). Microsoft Nokia teve queda de 3,8% de um ano para o outro, enquanto Xiaomi entrou pela primeira vez no top 5.

<!–

Se curtiu, compartilhe!

setTimeout(“loadSocialButtons()”, 300);
–>
Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *