Últimas

Coluna: Globo, SBT e Record – Erros e acertos dos últimos anos

Paulo Carvalho logo

Olá, queridos leitores! Uma emissora de TV não vive se não arriscar e alguns deles fizeram bem, outros fizeram milhões de reais escorrerem pelo ralo. As três principais emissoras de TV tem erros e acertos de sobra em 2015, mas além deles vamos tratar das decisões dos últimos.

Rede Globo logo

A Rede Globo, a emissora que completou 50 anos em 2015 tem uma lista de erros, um deles graves, para tratarmos. O primeiro erro da Globo foi permitir as negociações entre Xuxa Meneghel e Record. Xuxa é um poço de faturamento se estiver com um programa bem montado, que tenha “liberdade!” para criação e desenvolvimento do seu programa. Esses argumentos foram o que fez a Xuxa mudar de casa. Isso é um dos vários erros da atual direção da emissora que olha para o futuro sem olhar para o passado. Uma joia da casa, que rendeu frutos que são colhidos até hoje não pode ser descartado por não ter espaço na grade, além do mais, são vários os programa da grade da Globo que mereciam voar sem passagem de volta. Outro erro e que se concentrou em 2015, mas que pudemos ver nos últimos anos foram às histórias sangrentas das novelas das nove. Quando o público chega em casa depois de um dia de trabalho onde, com certeza, viu e ouviu de tudo, desde a assaltos a protestos pela cidade, o que ele mais deseja é assistir histórias que façam ele esquecer do mundo real e se envolver em uma bom folhetim. Parece que a Globo perdeu a mão em 2015, mas todos esperam que isso se reverta quando, em 2016, ‘Velho Chico’ estrear.

O grande acerto de 2015 foi à novela ‘Verdades Secretas’, bem escrita e dirigida, foi o ponto auge da emissora neste ano. O sucesso foi tamanho que o último capítulo segurou números impressionantes de audiência, em plena madrugada a emissora dos Marinho atingirá 25 pontos. Outro acerto que vai render enorme força para a Globo nos próximos anos foi a mudança de Fátima Bernardes do jornalismo para o entretenimento, o seu programa matinal mostrou que Fátima está, aos poucos, se transformando em uma excepcional animadora de TV.

SBT-COMPARTILHE

O SBT tem motivos para sorrir e chorar em 2015, o principal acerto do SBT em 2015 se deve a investimentos de anos anteriores. Quando finalmente decidiram lutar pela vice-liderança e depois de quase cinco anos de investimentos, tanto em contratações de peso (Eliana, Roberto Cabrini, Rachel Sheherazade, Joseval Peixoto, Danilo Gentili, entre outros), em comprar novos equipamentos, investir na grade de programação (com enlatados ou não), além de colocar quem estava na geladeira da emissora para trabalhar, foi o estopim para o retorno ao lugar de origem. Outro acerto da emissora foi continuar os investimentos nas novelas infantis, ‘Cúmplices de Um Resgate’ e a reprise de ‘Carrossel’ asseguram os dois dígitos de média geral desde os seus primeiros capítulos, mesmo que o último seja uma reprise. E, se contar a forte concorrência no horário, à consciência de que os investimentos trouxeram um retorno favorável é para ser comemorado. Outro fator a ser comemorado é o atual momento do ‘Programa do Ratinho’, o apresentador Carlos Massa está em sua melhor fase desde o seu retorno à televisão e consolida o segundo lugar de audiência em 2015. Podemos considerar Nadja Haddad como a revelação do SBT em 2015, seu talento e carisma devem ser aproveitados em 2016.

Os erros da emissora podem se resumir na falta de investimento em 2015, o motivo pode ser a crise que o país enfrenta e isso não pode ser considerado uma desculpa esfarrapada, a situação está ruim e o cinto precisou ser apertado, mas não deixa de ser um erro deixar de investir no jornalismo da emissora e tirar os boletins exibidos dentro dos intervalos comerciais, para completar, a direção da emissora e a Disney fizeram um contrato que resume na venda de horários no período da manhã, de domingo a domingo. O que deveria ser um alento ao caixa da emissora (que está no azul), se tornou um problema nos números de audiência e na grade da emissora, isso porque devido ao “investimento Disney” o ‘Domingo Legal’ foi encurtado e atrapalhou não só o programa comandado por Celso Portiolli, mas a Eliana, o ‘Roda a Roda’ e o ‘Programa Silvio Santos’. No popular: o SBT leva uma surra da Record todos os domingos’. Outro erro é, sem dúvidas, não trazer Gugu Liberato de volta a emissora. O relacionamento entre ele e a Record não está bom e o espaço do apresentador dentro da emissora do Bispo Macedo está cada vez menor e perderam a chance de trazer o apresentador de volta e colocá-lo em evidência novamente.

record-logotipo

A Record foi à emissora que mais acertou em 2015 com um único produto, mas ao mesmo tempo cometeu erros de planejamento graves que comprometeram a audiência de ‘Os Dez Mandamentos’ no final, a audiência que em inúmeras praças ultrapassou a marca dos 30 pontos e venceu a Globo várias vezes deixou a desejar no final por culpa da direção da emissora que sacrificou a primeira temporada da novela para criar (as pressas), a segunda temporada que tem previsão de estreia para março de 2016. Um dos principais problemas de programas ou novelas que fazem sucesso fora da Globo é não deixar a história terminar por audiência, mas esticá-la até o esgotamento. Outro erro da emissora e que não se resume a 2015 é a permanência do ‘Cidade Alerta’ no ar e não é pelo Marcelo Rezende, mas pelo conteúdo que o programa apresenta. É como o problema que a Globo tem em escancarar a violência nas novelas. Basta de sangue, violência e tragédias na televisão, o telespectador não precisa disso.

Outro acerto da emissora foi à contratação de Xuxa Meneghel, foi sem dúvidas a maior contratação da história da emissora pela força que a contratação representa. Tirar uma das maiores estrelas da sua principal concorrente foi uma grande jogada. Além do mais, com a “liberdade” que a apresentadora tem na nova casa o seu jeito de animadora de TV aflorou e isso é ótimo para o telespectador.

Hoje, encerramos por aqui! Mais informações sobre a TV brasileira? Sigam a @ColunaPCarvalho


Fonte: Bastidores da TV

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *