Últimas

COLUNA: Os Melhores da TV em 2015

Mais um ano está indo embora… O ano de 2015 não foi positivo para muitas emissoras de TV devido a forte crise econômica do nosso país, a ordem foi tirar o pé do acelerador, executivos tiveram que gerar estratégias com produções baratas sem ferir na sua qualidade. Mesmo assim algumas atrações se salvaram e mereceram destaque no ano de 2015. Relacionei os programas que, na minha opinião, foram bem escalados na grade de programação de cada emissora, uns pelo meu gosto pessoal, outros pelo sucesso que fizeram com o grande público. Vamos a eles…

O ano de 2015 na Rede Globo começou com o início das comemorações de 50 anos da emissora, comemorações essas que eu particularmente achei muito fracas devido à importância da data, mas valeu a pena ver de novo a novela “O Rei do Gado” e o compacto de algumas séries de sucesso no “Luz, Câmera, 50 anos”. Para a Globo, 2015 se caracterizou como o ano em que a novela das nove, principal da emissora, foi ofuscada por folhetins de outros horários. Enquanto “Babilônia” foi um fiasco, “Sete Vidas” e “I Love Paraisópolis” agradaram o grande público. “Verdades Secretas” foi outro acerto da Globo em 2015, a profissão de modelos relacionada com a prostituição deu pano pra manga e gerou polemicas dentro e fora da emissora. Encerrando o ano o canal está exibindo um “remake” da “Escolinha do Professor Raimundo”, uma fórmula certa para o sucesso, espero que venha à produção de  novos episódios no ano que vem…

Em 2015 o SBT de Silvio Santos levou o ano em banho Maria, sem grandes novidades ou investimentos. Destaco a compra de animações da “Nickelodeon” como “Bob Esponja”, “Tartarugas Ninjas” e “Kung Fu Panda” que atingiram bons índices de audiência para a emissora. As “Novelas da Tarde” me deu a feliz surpresa com boas tramas no horário vespertino. O SBT acertou na escalação das reprises: “Maria Esperança”, “Pérola Negra” e “Maria do Bairro” e das inéditas: “Coração Indomável”, “A Dona” e “Teresa”. Adorei rever, mesmo por pouco tempo as séries “I Love Lucy” e “Punk, a Levada da Breca”.  Também gostei bastante dos realitys “Cozinha Sob Pressão” e “Bake Off Brasil – Mão na Massa”. O “Conexão Repórter” de Roberto Cabrini foi o único jornalístico do SBT que se destacou no ano de 2015, com sua mudança para os domingos o programa bateu a Rede Globo em vários momentos.

O ano de 2015 da Record foi de festa pelo grandioso sucesso da novela bíblica “Os Dez Mandamentos”, a trama fez a Rede Globo comer poeira, a emissora da Barra Funda saltou da terceira colocação no horário para a liderança absoluta. Geraldo Luís e Rodrigo Faro tomaram conta do domingo na TV, apostando forte na emoção, os programas “Domingo Show” e “A Hora do Faro” se tornaram grandes sucessos na grade da emissora. Na área de realitys destaco os “Batalha dos Confeiteiros” e “Além do Peso”, atrações interessantes que receberam grande atenção do publico em 2015. Gugu Liberato fez bastante barulho com à estreia de seu programa nas noites da Record. Barulho também fez a contratação de Xuxa Meneghel após quase 30 anos na Rede Globo.

A BAND realizou poucos investimentos em sua grade no ano de 2015, assim destaco apenas as novelas turcas “As Mil e Uma Noites” e “Fatmagul –  A Força do Amor” que conseguiu se firmar no horário nobre concorrendo com novelas nacionais e o reality show “MasterChef” que mais uma vez conseguiu mobilizar a internet e elevar os índices de audiência da emissora do Morumbi  .

Já a Rede TV! foi totalmente na contramão  do mercado realizando novas contratações e estrando novos programas. O “Melhor Pra Você” com Celso Zulcatelli, Edu Guedes e Mariana Leão e o “Mariana Godoy Entrevista” apesar da baixa audiência, são produções de boa qualidade necessárias na programação da emissora. Destaque também para o “Operação de Risco” de Jorge Lordello e para o dominical “Encrenca” que alcançaram índices significativos de audiência neste ano. Sonia Abrão e o seu “A Tarde é Sua” cresceu em 2015, deixando de lado os assuntos policiais e apostando no entretenimento o programa alcançou o terceiro lugar no Ibope em diversas oportunidades.

Vamos torcer para que em 2016 nossa televisão aberta venha com novidades interessantes para os seus telespectadores e invistam sem alterar muito a fórmula que conquista o público, apenas a aprimore… O novo ano que irá se iniciar será atípico devido os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro e as eleições municipais fatos esses que irão mexer na grade de programação de algumas emissoras.

Não posso terminar esta coluna sem desejar a todos os leitores um Feliz 2016 e com ele muita saúde, paz, sucesso e dinheiro no bolso!

Acompanhe a Coluna “Sou Telespectador” nas Redes Sociais:

Veja outros textos e curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/soutelespectador


Fonte: Bastidores da TV

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *