Dois terços dos imigrantes do mundo são trabalhadores

(Arquivo) Imigrantes bolivianos trabalham em confecção, em Nova Odessa, São Paulo, no dia 11 de outubro de 2011
Foto: AFP/Arquivos NELSON ALMEIDA
(Arquivo) Imigrantes bolivianos trabalham em confecção, em Nova Odessa, São Paulo, no dia 11 de outubro de 2011
Foto: AFP/Arquivos NELSON ALMEIDA

Dois terços dos 232 milhões de imigrantes do mundo são trabalhadores, segundo o primeiro estudo global sobre o tema publicado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT). 

O organismo com sede em Genebra contabiliza 150,3 milhões de trabalhadores imigrantes no mundo, dos quais um pouco mais da metade são homens. 

A OIT ressalta que a migração econômica é um fenômeno que afeta todas as regiões do mundo, embora os três quartos dos trabalhadores migrantes estejam em países de alta renda. 

Por região, “cerca da metade (48,5%) dos trabalhadores migrantes se concentra em duas grandes sub-regiões, América do Norte e o norte, no sul e no oeste da Europa”. 

Os países árabes se caracterizam por serem os que têm maior proporção de imigrantes entre seus trabalhadores: um de cada três (35,6%).

Na América do Norte, um de cada cinco trabalhadores (20,2%) são imigrantes e na Europa são um de cada seis (16,4%). 

Ao contrário, a proporção de imigrantes é inferior a 2% em várias sub-regiões como o norte da África, América Latina e Caribe, o norte da África e o leste e sul da Ásia. 

O leste da Ásia, que inclui a China, é a área com a menor proporção de imigrantes entre seus trabalhadores: 0,6%. 

O estudo da OIT permite comprovar que os imigrantes se concentram no setor dos serviços, com 106,8 milhões de trabalhadores, seguido da indústria e da agricultura. Entre todos os trabalhadores imigrantes, 7,7% são empregados domésticos, um dos setores mais regulados da economia.  

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *