Últimas

Em rede social, mãe relata suposto racismo sofrido pela filha em shopping

Uma simples ida com a família ao shopping se transformou em indignação e busca por direitos para a atriz Monica Duarte, após a filha Mariane ser vítima de uma suposta prática de racismo, em um shopping em São Paulo, no último domingo.

No Facebook, Monica conta que estava com a família na confeitaria Ofner, no shopping Eldorado, quando Mariane decidiu escolher um doce no balcão do estabelecimento. Sem saber qual pedir, a menina voltou à mesa da família para perguntar para a mãe. Neste momento, uma funcionária da loja acompanhou a menina e disse para ela, na frente da família: “Lindinha, você não pode pedir dinheiro aqui”. O comentário deixou a família perplexa e indignou Monica, que afirma ter gritado com a funcionária: “Ela é minha filha. Ela não tá pedindo dinheiro, tá conversando comigo”, escreveu a atriz na rede social.

Ainda de acordo com o relato de Monica, outra funcionária reagiu à discussão e disse: “Ela já pediu desculpas, a senhora quer que ela faça o quê?”. A atriz, que questiona: “será que tudo isso aconteceu porque minha filha é negra?”, disse que ligou no Disque 100 para denunciar o ocorrido e pedir orientações sobre o que deveria ser feito posteriormente. Segundo ela, a atendente que recebeu a denúncia informou que ela deveria levar o caso a uma delegacia especializada.

Em nota à imprensa, a Ofner afirma que “não aceita qualquer tipo de discriminação” e que os “profissionais são constantemente treinados para oferecer os melhores produtos e, principalmente, oferecer a excelência no atendimento”. A assessoria acrescenta ainda que as informações estão sendo averiguadas e que já está “tomando todas as medidas necessárias”.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *