Estudantes protestam por cancelamento da reorganização escolar

Cerca de 50 estudantes da Escola Estadual Fernão Dias fazem um protesto na tarde desta segunda-feira e bloqueiam o cruzamento entre a Avenida Rebouças e a Brigadeiro Faria Lima, em Pinheiros, zona oeste.

Os alunos dizem que querem o “cancelamento” da reorganização das escolas do Estado. A medida, que previa o fechamento de 93 escolas e que as unidades oferecessem ciclo único, já foi suspensa pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB), que promete rediscutir a proposta em 2016.

Por volta das 17h30, um motorista revoltado saiu do carro e começou a empurrar os estudantes. Outros motoristas assistem à cena e gritam para que os alunos desocupem a via. Os manifestantes cantam “Sem violência!”.

Nesta segunda, Alckmin defendeu que os alunos desocupem as mais de 190 escolas tomadas em protesto contra a medida. “Não há razão nenhuma para ter escola hoje invadida. Se a causa era essa (reorganização), agora é retomarmos as aulas para poder o mais rápido possível concluir o ano letivo. Esse é o objetivo”, disse ele.

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *