Explosão mata seis soldados norte-americanos no Afeganistão

Ao menos seis soldados da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) morreram e outras seis pessoas ficaram feridas em um ataque com explosivos realizado por um terrorista suicida nesta segunda-feira contra tropas afegãs e internacionais no Afeganistão, disse William Shoffner, chefe de assuntos públicos da Otan com base em Cabul. Uma autoridade dos EUA afirmou que soldados norte-americanos estavam entre os que foram mortos. 

O Taleban reivindicou a responsabilidade pelo ataque suicida, que foi o maior ataque contra as tropas estrangeiras no Afeganistão desde agosto. Shoffner disse que o ataque aconteceu perto das 13h30 do horário local, nas proximidades de Bagram, a maior instalação militar dos EUA no Afeganistão.

Uma autoridade, que falou sob condição de anonimato pois não estava autorizada a falar com a imprensa, disse que não poderia confirmar o número de norte-americanos mortos no ataque.

Mohammad Asim Asim, governador da província de Parwan, onde está localizado Bagram, disse que um homem-bomba saiu de sua moto e caminhou até a vila perto da base militar quando detonou os explosivos. Ele também disse que dois policiais afegãos foram feridos no ataque.

O ataque de hoje veio em meio a uma disputa entre os militantes do Taleban e as forças do governo lutam pelo controle de um distrito estratégico na província meridional de Helmand, após ela ser invadida pelos insurgentes do Taliban, dando um sério golpe para o governo.

Mohammad Jan Rasulyar, vice-governador de Helmand, disse que os insurgentes tomaram o controle do distrito de Sangin, no domingo. Somente as instalações do exército afegão no distrito não foram capturadas pelos insurgentes, disse ele. Fonte: Associated Press

Fonte: Diário de Pernambuco
Matéria originalmente publicada pelo site Diário de Pernambuco

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *