Últimas

Funcionários de afiliada do SBT fazem paralização e direção chama a polícia

A direção da TV Alterosa, afiliada do SBT em Belo Horizonte, chamou a polícia para acompanhar a paralização feita por funcionários da emissora na manhã desta segunda-feira (29). Eles reivindicam o pagamento do 13º salário, que ainda não foi pago.

Segundo informações do site NaTelinha, por conta da paralização, o telejornal noturno da emissora foi gravado a tarde e com matérias do interior e do SBT de São Paulo. Os jornalistas que trabalham em outras empresas do grupo Diários Associados, dono da TV Alterosa, também pararam os trabalhos.

“Nós somos uma afiliada do SBT, mas pertencemos aos Diários Associados. Só que o grupo está falindo. Este ano, o jornal Estado de Minas deu um prejuízo de 28 milhões de reais. Só que, segundo a própria empresa, a TV Alterosa deu um lucro de 14 milhões de reais, mas essa divisão do ônus não está acontecendo. Desde ontem, estamos parados. O jornal da noite foi gravado à tarde com matérias do interior e do SBT de São Paulo. A capa do Estado de Minas é igual ao do Correiro Braziliense, é ridícula”, disse um jornalista que pediu para não ser identificado ao site NaTelinha.

Além de salários atrasados, os funcionários estão encontrando dificuldade até mesmo para entrar de férias. “”Convivemos com salários atrasados faz um ano. INSS tá sendo recolhido, mas não é repassado ao governo. FGTS não é pago faz um ano. Quem teria que tirar férias em novembro, precisou provar que está com um pacote de passagem pago no RH da emissora, porque se não, não poderia tirar férias”, contou.

Cerca de 100 policiais em 11 viaturas foram chamadas pela direção da empresa para acompanhar a reivindicação dos funcionários. “A gente fechou a rua, que curiosamente tem o nome de Assis Chateaubriand. Hoje, a gente foi surpreendido com 11 viaturas da Rotam e um ônibus do batalhão. Eles confirmaram que foram chamados pela direção. São mais ou menos 100 policiais, contamos onze viaturas. Pelo que vejo, quem são os maiores bandidos de Minas Gerais hoje são os jornalistas”, reclamou.

A TV Alterosa não comentou o assunto.


Fonte: Bastidores da TV

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *