Lucas Lucco volta a desabafar sobre crises de pânico: ‘Estou há meses com um medo muito grande de tudo e só penso em coisa ruim’

Após surpreender os fãs com um depoimento no Instagram no último fim de semana em que admitiu o uso de remédios para crises de pânico e estresse, Lucas Lucco voltou a falar sobre o assunto. Desta vez, o sertanejo usou o Snapchat para falar sobre o problema com seus seguidores. Estou há vários meses com um medo muito grande de tudo. A minha psicanalista até preferiu que eu não dirigisse por um tempo, há uns meses atrás. Quando a gente está nessa situação, só pensa em coisa ruim. Eu sempre fui positivo, e isso me deixou triste”, comentou ele.

Lucas Lucco afirmou ainda que seus pais deixaram a cidade de Patrocínio, em Minas Gerais, para fazer companhia a ele no Rio. O cantor está temporariamente na cidade para as gravações de “Malhação”. “Antes eu tava sozinho. Por conta disso tudo eles estão morando comigo, até para ficarem mais seguros. Eu precisava muito”, contou.

Lucas Lucco com os pais, Paulo e Karina

Lucas Lucco com os pais, Paulo e Karina Foto: Reprodução/ Instagram

Segundo ele, houve quem criticasse a sua atitude de falar sobre o assunto, mas Lucas Lucco acredita que seu depoimento pode ser um apoio para outras pessoas: “Muita gente acha que estou errado em abrir isso, mas eu não acho. Como artista tenho que expor isso, minhas palavras podem ajudar outras pessoas. Penso que pode ajudar muita gente, mudar o conceito da vida do artista”.

Lucas Lucco num dos muitos shows que faz

Lucas Lucco num dos muitos shows que faz Foto: reprodução/instagram

Leia na íntegra o desabafo de Lucas Lucco:

Queria agradecer a todas as mensagens que eu recebi. Não consegui ler todas, mas queria agradecer do fundo do coração. Hoje tirei o dia para descansar, mal consegui levantar da cama. Levantei só para treinar, precisava fazer alguma coisa. Quanto ao show de Curitiba, realmente foi um dia muito difícil. Eu participei do campeonato de cross fit e fiquei muito nervoso com aquilo. Sou do tipo de pessoa que absorve muito as coisas, energia, ansiedade. E acabo exagerando, é como se fosse uma lupa. Aumento as coisas dentro de mim. Faço muitas cobranças. Tive até febre.

Participei desse campeonato e tinha a gravação do DVD da FS. Vim para casa me arrumar. Meus pais estão praticamente morando aqui comigo. Antes eu tava sozinho. Por conta disso tudo eles estão morando comigo, até para ficarem mais seguros. Eu precisava muito. Quando eu comecei a me arrumar, comecei a chorar muito, senti um medo muito grande de sair de casa. Minha mãe e meu pai não estavam entendendo nada. Até estava, porque eles sabem…

Meu pai falou pra ter fé em Deus, seguir em frente porque o pessoal estava esperando. Continuei arrumando minhas coisas, mas é inexplicável, só eu sei como me sinto. A gente não consegue expressar, falar. Só a gente que entende. Meu pai disse para eu ficar, mas falei: Não adianta, de todo jeito vou ter que ir e encarar meu medo.

Saí de casa, entrei dentro do carro, o aeroporto é aqui do lado. Quando eu tava no carro começou a chover, relampejar, e desde pequeno tenho medo de chuva. Eu tomei dois comprimidos enquanto estava lá esperando para ver se liberava o voo e dormi no carro. Veio a notícia que não dava para voar, só se esperasse meia hora para ver se passava o mau tempo. Eu não quis esperar porque o pior de tudo era o meu medo. Estou há vários meses com um medo muito grande de tudo. A minha psicanalista até preferiu que eu não dirigisse por um tempo, há uns meses atrás.

Quando a gente está nessa situação, só pensa em coisa ruim. Eu sempre fui positivo, e isso me deixou triste. Mais triste ainda por não ir ao show. No caminho tomei quase todos os remédios que tinha na mochila, cheguei em casa e apaguei. Eram, 20h e acordei 12h do outro dia. Acordei pensando no que eu ia fazer, aí . e dai eu escrevi aquele post no Instagram. Foi uma das crises. Muita gente acha que estou errado em abrir isso, mas eu não acho. Como artista tenho que expor isso, minhas palavras podem ajudar outras pessoas.

Penso que pode ajudar muita gente, mudar o conceito da vida do artista para outras pessoas. Não é só festa, alegria, sorriso. Existem outras coisas. Queria agradecer mais uma vez de coração, todos que mandaram mensagens: amigos, fãs, seguidores, meus familiares. Obrigado de coração. Fiquei muito feliz.

Vou seguir com fé em Deus, tentar buscar por Ele o máximo possível. Estava sentindo dificuldade de falar com Deus esses dias. Eu falava, mas parecia que ele não estava me escutando, e isso é muito ruim. Estou querendo ficar mais perto de Deus, minha família, pessoas que amo. Vou continuar com meus shows, gravações, meu trabalho… que é o que sei fazer. Vou ver minha família, meus avós. Obrigado de novo, fiquem com Deus, beijão e valeu por tudo.

Lucas Lucco durante exercício

Lucas Lucco durante exercício Foto: Reprodução/ Instagram

Nesta segunda-feira, o EXTRA procurou o empresário de Lucas Lucco, Rodrigo Byça, que foi lacônico: “Não temos nada a declarar”. Rodrigo, inclusive, orientou a assessoria e família do cantor a não dizer nada a ninguém. Na agenda de Lucas só existem dois shows confirmados. Um em Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, no dia 19, e outro só no dia 30, em Búzios. Este mês, em apenas uma semana, ele fez cinco apresentações em várias partes do país, passando por Rio Grande do Sul, Paraná e São Paulo.

Os colegas de Lucco em “Malhação” não sabiam do momento conturbado do ator/cantor. Nem o diretor da novela, Leonardo Nogueira. “Acredito que foi algo pontual. Lucas nunca reclamou de nada, nenhum cansaço aparente. Ele é ótimo, disciplinado, um cara simpático com todos. Tivemos uma conversa, ele postou o desabafo, mas não acredito que seja um problema recorrente. Não vamos modificar o cronograma de gravações por conta disso”, diz Leonardo.

Lucas Lucco com Solange Couto e Pamela Tomé em cena de ‘Malhação’

Lucas Lucco com Solange Couto e Pamela Tomé em cena de ‘Malhação’ Foto: Estevam Avellar/Rede Globo/Divulgação

Lucas Lucco, no entanto, anda cochilando nos estúdios de “Malhação”. “Ele só grava de segunda a quarta, no máximo até quinta. Já faz todas as cenas e chega para gravar em cima da hora. Está sempre na dele, estudando e decorando. Mas já vi dando uma dormida por lá”, conta uma colega de elenco: “Ele é muito educado, mas quase não interage, está sempre concentrado. Fica apreensivo com os textos e grava muito”.

Lucas Lucco e o desabafo

Lucas Lucco e o desabafo Foto: reprodução/instagram

Fonte: Jornal Extra (http://extra.globo.com)

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *