Últimas

Lucy Alves: ‘The Voice é um divisor de águas na minha vida’

Depois de ser finalista do The Voice Brasil em 2013, a cantora e sanfoneira Lucy Alves, que também conquistou o Brasil está experimentando novos horizontes na carreira. Além de cantar, ela também está atuando e tem tudo para fazer sucesso no novo projeto.

Além de já confirmar a presença na novela Velho Chico, que substituirá na A Regra do Jogo no horário das 21h, Lucy conversou com o OFuxico sobre o musical Nuvem de Lágrimas, que atua com Gabriel Sater.

“Eu conheci o Tiago Abravanel no The Voice e ele me adorou e formamos uma amizade. A partir daí, ele falou que tinham uns produtores que estavam procurando artistas para um musical que tinha a minha cara. Eu pensei um pouco, mas fui fazer o teste e os produtores adoraram”, contou.

Apesar de estar receosa no início, Lucy Alves contou que está sendo uma experiência enriquecedora para sua carreira. “Nossa, está sendo muito bom, me trouxe referência para o palco. Se alguém fala um texto, eu tenho que estar antenada para devolver esse texto. Não é só decorar, você tem que entender, aí tem coreografia também. Eu estou muito à vontade e consigo me divertir trabalhando, está muito bom”.

Porém, mesmo fazendo sucesso entre os críticos, Lucy Alves contou que ainda está pegando o jeito para a coisa. “Para mim, fazer um show é muito natural. Eu sei qual ‘chave’ ligar e tudo mais. Nas apresentações, eu sou a maestrina do espetáculo. Já no musical, eu dependo muito dos meus colegas, eu fico cansada, porque eu me concentro ao máximo, ainda estou procurando essa mesma chave dos meus shows para o espetáculo. Os meus colegas de elenco falam que a chave do espetáculo é a mesma dos shows e estou seguindo o conselho. De qualquer forma está sendo um aprendizado enorme, já que além de atuar também aprendi a tocar viola caipira”.

Porém, não pense que as novidades na carreira de Lucy Alves param por aí. A cantora terá uma experiência surpreendente no ano de 2016. Ela será a primeira mulher a ser puxadora de samba na escola Imperatriz Leopoldinense na Marquês de Sapucaí.

“É mais uma coisa incrível acontecendo na minha vida. E mais uma vez vou estar envolvida com a história de uma dupla sertaneja (Zezé di Camargo & Luciano são temas da escola no ano que vem) o convite veio do Zé Catimba (compositor). Na hora que ele recebeu o tema, ele falou que queria colocar uma sanfona e pensou em mim. Vai ser uma honra enorme ser uma mulher para puxar o samba. A escola me adotou e está todo mundo feliz com o resultado de ter a sanfona na avenida. Vai ser uma reponsabilidade grande”, afirmou.

Com tantas coisas acontecendo, Lucy contou que só tem a agradecer pelo The Voice ter aberto tantas portas, apesar de sua carreira ter começado há 13 anos.

“Eu comecei há 11 anos antes do The Voice, mas o programa foi um divisor de água na minha vida. Eu comecei bastante nervosa, mas eu fui me superando. Eu estou bastante reconhecida na rua, recebi prêmios, convites importantes, conheci gente interessante como o Tiago (Abravanel), então só tenho a agradecer”, finalizou.

Lucy Alves, do The Voice, confirma presença em novela global
Lucy Alves ensaia com Carlinhos de Jesus para gravação de DVD
Lucy Alves vence prêmio de melhor show nos Estados Unidos

Tudo sobre o mundo dos famosos, novelas, festas e TV, você encontra em O Fuxico!

Fonte: OFuxico.com.br
Matéria Originalmente postada pelo site O Fuxico

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *