Nova geração do Nexus 7 pode ser fabricada pela Huawei em 2016

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Uma nova geração do Nexus 7 pode estar nos planos para o próximo ano, dando as caras em meados de 2016 pelas mãos da Huawei, sugerem fontes asiáticas no Weibo, uma das maiores redes sociais do continente. Quem acompanha a história da Google no mercado de telefonia móvel sabe que a gigante de Mountain View possui duas vertentes de sua linha própria de hardware: smartphone Nexus e tablet Nexus. Neste ano, a família de celulares já foi agraciada com a presença da LG, responsável pelo Nexus 5X, a versão reduzida da novíssima linhagem mobile com Android puro, e da própria Huawei, trabalhando no phablet Nexus 6P, ganhando experiência para, possivelmente, desenvolver o futuro phablet dessa série, chamado informalmente de Nexus 7 (2016).

A possibilidade de existência de um misterioso Nexus 7 (2016) é quase contraditória, pois a Google trabalha em sua carreira solo no mercado de dispositivos categorizados como tablet, relembrando a breve aparição do Pixel C no evento de apresentação dos Nexus deste ano de 2015. Este produto conta com as funções de um tablet, incluindo tela sensível ao toque e dimensões, peso e aparência que tornam sua locomoção flexível, além de propriedades de um laptop, como um teclado físico nos moldes da família Microsoft Surface de híbridos. Desta forma, a existência do Pixel C coloca em cheque o futuro do segmento Nexus em tablets, por isso a citação de um novo integrante deve ser tratada como ‘palavras ao vento’.

Infelizmente, nenhuma informação sobre a aparência ou a lista de especificações técnicas do obscuro Nexus (2016), porém é válido relembrar que o Nexus 7 já chegou ao mercado com qualidades bem atraentes, compreendendo uma tela de 7 polegadas, usando uma resolução superior a Full HD para a exibição de conteúdo, 1920 x 1200 pixels, 2 GB de RAM, chipset Qualcomm Snapdragon S4 Pro, câmera principal de 5 megapixels, capaz de gravar em 1080p, câmera frontal de 1,2 megapixel, 16 GB ou 32 GB de memória para o armazenamento interno, não podendo ser expandida via cartão microSD, bateria de 3.950 mAh e o Android 4.3 KitKat como sistema operacional, mas recebendo atualizações frequentes nos anos seguintes.

Huawei, como ganhou experiência com o Nexus 6P, além de ser uma das maiores fabricantes de celulares em nível mundial, estaria apta a desenvolver o Nexus 7 (2016) sem problemas. Ainda assim, as duas gerações existentes do tablet foram produzidas pela ASUS e receberam muitas críticas positivas do público geral, havendo até a possibilidade dela estar envolvida na criação de um modelo mais novo do dispositivo, porém a disputa será boa entre ela e a companhia chinesa, pois as duas possuem a competência necessária para se aventurar em tal assunto. Ainda assim, seria sensato aguardar até que a Google decida compartilhar os detalhes de seus planos futuros antes de tomar conclusões.

(atualizado em 30 de novembro de 2015, às 04:34)

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *