Últimas

Realidade aumentada: a Apple também deve entrar no jogo

Muita gente aposta na realidade aumentada como uma das grandes tendências para o mercado nos próximos anos. O setor tem atraído diversas empresas, como a Microsoft e o Google. E segundo analistas, mais uma gigante decidiu se focar no setor: a Apple.

Ainda que não tenha lançado nenhum dispositivo que se relaciona com a realidade virtual ou a realidade aumentada, a aquisição das duas empresas, aliadas a pedidos de patentes recebidos recentemente e rumores de especialistas, sugerem um interesse da fabricante do iPhone.

Apesar de seus movimentos silenciosos, a empresa estaria investindo pesado na tecnologia nos últimos meses. Recentemente, a Apple comprou duas startups: Faceshift e Metaio, ambas especializadas no desenvolvimento de softwares de realidade aumentada.

Aquisições
A Metaio, adquirida em maio deste ano, por uma quantia desconhecida, trabalhava com grandes empresas como o Macy’s e a Ikea. A tecnologia da companhia mescla imagens reais com elementos gerados de maneira digital, além de criar guias visuais para a manutenção de produtos automotivos e industriais.

A Faceshift, por sua vez, é responsável pela tecnologia de reconhecimento facial usada no último filme da saga Star Wars.

[embedded content]

Patentes


Reprodução
Recentemente, a Apple recebeu a patente de um headset de realidade virtual para iPhone semelhante ao Google Cardboard. Especialistas apontaram, na época, que a empresa pretende adicionar um recurso de realidade aumentada para seu app de mapas.

Paciência
Enquanto muitas empresas lançam os dispositivos rapidamente, a Apple é conhecida por esperar o momento certo para disponibilizar no mercado um produto, quando o mercado já está mais consolidado, como aconteceu com o iPod, com o iPhone e, finalmente, com o Apple Watch. Portanto, é possível que a entrada da Apple no setor demore um pouco mais do que suas concorrentes.

Via BusinessInsider

Fonte: Olhar Digital
Matéria originalmente postada no site olhardigital.uol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *