Últimas

Samsung Gear S2 não pode ser atualizado em smartphones criptografados, como o Nexus 6P

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Smartwatches da Samsung percorreram um longo caminho desde a primeira geração do Galaxy Gear, e isso inclui tanto refinamentos do hardware quanto em design e evolução do software. E enquanto oficialmente o novo Samsung Gear S2 pode interagir bem com os smartphones rodando o Android 4.4 ou posterior, equipados com pelo menos 1,5 GB de RAM, algumas situações em termos de compatibilidade estão agora dificultando a vida de alguns usuários.

Na semana passada, a Samsung lançou uma atualização para o Gear S2, que traz melhorias para sua funcionalidade e recursos. Para atualizar o dispositivo wearable, os usuários precisam utilizar o app “Gear Manager” em seu smartphone Android. No entanto, isso simplesmente não vai funcionar em alguns casos.

Alguns proprietários tentaram instalar a atualização de software do Gear S2, porém uma restrição desagradável tem sido encontrada. O relógio da Samsung não está permitindo essa integração com smartphones Android criptografados. Como pode ser visto na imagem abaixo, a atualização do software do relógio exigirá descriptografar o dispositivo.

A criptografia completa de dispositivo é uma ótima maneira de manter os dados dos usuários seguros, e isso tem cada vez mais preocupado tanto usuários quanto as companhias, como a própria Google. Com a chegada do Android Marshmallow, a empresa trouxe uma nova política que torna a criptografia habilitada por padrão nos novos modelos de smartphones da fabricante com o sistema operacional. Ou seja, essa situação poderá ser uma bomba relógio e se tornar um grande problema quando o Android 6.0 em aparelhos criptografados se tornar mais popular.

O problema é que o software do Gear s2 não parece ter suporte para telefones criptografados, como o novo Nexus 6 P. De acordo com o site Pocketnow, os usuários que receberam o pacote para essa nova atualização de software do S2 estão sendo informados de que eles precisam desativar a criptografia do dispositivo antes que eles podem atualizar seus smartwatches. O problema é que para telefones criptografados out-of-a-box, como é o caso dos novos modelos do Nexus, isso não é algo que os usuários são capazes de fazer.

Além do Nexus 6P, por conclusão lógica o LG Nexus 5 X e o Motorola Nexus 6 também apresentarão o mesmo problema, pois todos fazem uso de encriptação de fábrica.

Ainda não se sabe porque exatamente os smartwatchs da Samsung precisariam exigir um smartphone não criptografado para instalar as atualizações, tampouco há qualquer explicação técnicas ainda, ou se é possível optar por alguma solução alternativa.

(atualizado em 01 de dezembro de 2015, às 20:04)

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *