Últimas

Segundo Proteste, o bloqueio do WhatsApp no Brasil é ilegal

Da Redação do site Tudocelular.com.br

A Justiça brasileira decidiu que o WhatsApp permanecerá bloqueado durante 48 horas no Brasil, a partir da 00h desta quinta-feira (17/12). Milhares de pessoas em nossas terras tupiniquins permanecerão sem mandar mensagens através do app do Facebook durante dois dias; é justamente por isso que a base de usuários do Telegram aumentou em 1 milhão poucas horas depois do bloqueio. Apesar da decisão do governo, o Proteste indica que foi uma ação ilegal.

De acordo com a opinião da Associação Brasileira de Defesa ao Consumidor, a Proteste, a iniciativa realizada pela Justiça brasileira fere o Marco Civil da Internet. Ou seja, foi uma ação ilegal por parte do governo.

“Mesmo que se trate de uma medida policial, trata-se de um dano imenso a milhões de usuários sob todos os aspectos. Ao bloquear, mesmo por questões de segurança, a justiça deixa milhões de usuários sem acesso. Para muitos, esse é o único meio de comunicação”, explicou a representante da Proteste, Maria Inês Dolci.

Até o momento existem poucas informações concretas sobre o motivo do bloqueio realizado pela 1ª Vara de Justiça de São Bernardo. Primeiro as informações indicavam que a ação foi realizada por um problema entre as operadoras, mas agora há rumores indicando que pode ter sido para evitar atos criminosos e ajudar uma investigação policial.

Com a adição do Marco Civil da Internet na Justiça do Brasil, bloquear um aplicativo como o WhatsApp atinge diretamente a suposta neutralidade da rede brasileira. Além disso, os consumidores do aplicativo acabam sendo punidos com o ato. E como não há muito o que fazer, Dolci indica que os usuários salvem suas fotos e outros conteúdos do WhatsApp, para evitar qualquer tipo de perda durante o bloqueio.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *