Últimas
aranda

Vasco negocia rescisão com Aranda para economizar dívida de R$ 700 mil

O presidente Eurico Miranda anunciou umareformulação total no futebol do Vasco.As primeiras medidas foram a demissão do gerente de futebol Paulo Angioni e o retorno de Isaías Tinoco. A maioria dos atletas não deve ter seus contratos renovados e em alguns casos nem jogadores sob contrato vão permanecer em São Januário. Fora dos planos, o volante Aranda, contratado no fim de 2014 junto com o goleiro Martín Silva, deve fazer parte de um acordo que vai fazer o clube economizar R$ 700 mil. O Vasco ainda tem dívida de luvas da contratação do atleta.

Pela negociação, que está sendo costurada com o agente de Aranda, o empresário Regis Marques, que representa também Martín Silva, Julio dos Santos e Emanuel Biancucchi, o Vasco abriria mão dos direitos federativos para o jogador paraguaio. Consequentemente, deixaria de pagar salários do atleta pelos últimos 12 meses de contrato.

Para a posição de cabeça de área, o Vasco hoje tem Diguinho, Guiñazu, que não tem permanência certa apesar de ter contrato em vigor – ele pouco jogou com Jorginho -, o jovem Andrey e ainda quer manter Serginho. O jogador estava emprestado pelo Atlético-MG, tem salário considerado alto, mas agradou à comissão técnica. A diretoria tenta viabilizar sua contratação em definitivo ou, pelo menos, estender o empréstimo de Serginho. Fora o volante, todos os outros jogadores com contrato se encerrando no fim de 2015 devem deixar o clube.

Permanência incerta de Guiñazu

Eduardo Aranda disputou a última Copa América, no Chile, com o Paraguai. Ele vem sendo constantemente lembrado pelo técnico Ramón Díaz, embora seja reserva na seleção paraguaia. No Olimpia, Aranda é titular absoluto. O jogador de 30 anos deve vir ao Rio nos próximos dias para negociar a rescisão com o Vasco. Ele tem boa proposta em mãos para deixar o Vasco.

Sem chances com o técnico Jorginho, o volante Guiñazu, de 37 anos, aguarda propostas para deixar o clube. Existe a possibilidade do jogador sentar com a diretoria e negociar uma rescisão amigável – com acordo financeiro para o jogador abrir mão dos últimos meses de contrato com o Vasco. O compatriota Emanuel Biancucchi, em fim de contrato com o clube, está de saída. O primo de Messi pouco atuou e vai procurar outro clube.

Com contrato até 2017, Julio dos Santos, que ficou na reserva no fim da temporada, deve ficar em São Januário. O jogador paraguaio de 32 anos foi elogiado pelo técnico Jorginho, apesar de terminar o ano em baixa.

Fonte – Globo Esporte

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *