WhatsApp é o app mais usado pelos brasileiros, informa pesquisa Ibope

Da Redação do site Tudocelular.com.br

Nesta terça-feira (15), o Ibope divulgou uma nova pesquisa realizada com os brasileiros revelando quais são os aplicativos mais usados em smartphones. Como já esperado, o WhatsApp encabeça o ranking estando presente em 93% dos celulares daqueles que participaram da pesquisa. O segundo colocado é da mesma empresa e você já deve saber de quem falamos. Isso mesmo, o Facebook foi apontado como 79% das vezes. Em terceiro vemos o YouTube marcando presença com 60%, seguido pelo Instagram com 37%.

Além disso, o estudo do Ibope também revela que o internauta brasileiro possui, em média, cerca de 15 aplicativos instalados no seu smartphone – 60% dos entrevistados disseram possuir entre 5 e 20 apps no aparelho. Sendo que metade dos participantes (49%) usa diariamente menos de cinco apps e 42% utilizam entre cinco e dez por dia. A pesquisa foi realizada este mês com 2.000 entrevistados em território nacional, por meio da plataforma Conectaí. Sendo este o primeiro resultado do CONECTAi Express, uma pesquisa online multiclientes, representativa da população de internautas do Brasil.

Confira abaixo quais os aplicativos mais populares:

Redes sociais sempre estiveram em alta entre os internautas brasileiros, ficando sempre acima de jogos mobile. Nesta última pesquisa vemos que alguns serviços como Twitter e Snapchat tiveram uma queda considerável em detrimento de novos meios de entretenimento como o Netflix. O uso de soluções de internet banking também vêm ganhando mais força entre os brasileiros que estão mais confiantes em realizar transações financeiras diretamente do celular.

Além destes, também vemos aplicativos de mapas e orientação como Waze entre os mais usados. Skype continua firme entre os 10 aplicativos mais usados pelos brasileiros, assim como o Spotify que também vem conquistando cada vez mais público.

Fonte: Tudocelular.com.br
Notícia originalmente postada pelo site Tudo Celular.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *