Últimas
dilma

Temer diz a Dilma que governo precisa ouvir mais

Presidente recebeu o vice para primeira conversa entre ambos em 2016. Encontro durou 16 minutos; Temer participará de reunião do ‘conselhão’.

 

Na primeira conversa entre os dois em 2016, o vice-presidente Michel Temer disse nesta quarta-feira (20) à presidente Dilma Rousseff que o governo precisa falar menos, ouvir mais e mostrar que está disposto ao diálogo com a sociedade.

No encontro, Temer afirmou que participará no fim do mês da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, conhecido como “conselhão”, informaram ao G1assessores presidenciais.

Segundo interlocutores do vice, a presidente disse que a reunião será importante para discutir a conjuntura com representantes da sociedade.

A relação entre Dilma e Temer sofreu um abalo no mês passado, quando o vice enviou uma cartaà presidente na qual afirmou que ela não confia nele e relacionou episódios que, segundo escreveu, evidenciavam isso. Após a carta, eles afirmaram que a relação entre ambos passaria a ser “institucional”. Há cerca de 15 dias, Temer declarou que terá uma relação “harmoniosa” com Dilma em 2016. Na semana passada, em café da manhã com jornalistas, perguntada sobre Temer, a presidente disse ter “toda consideração” por ele.

Depois da conversa a sós com Temer, que durou 16 minutos, Dilma chamou os ministros Jaques Wagner e Ricardo Berzoini para participarem da reunião, no Palácio do Planalto.

Procurada pelo G1, a Secretaria de Comunicação Social informou que a presidente não se manifestará sobre o assunto.

‘Conselhão’
O “conselhão” é presidido por Dilma e composto por representantes do setor empresarial, da sociedade, de sindicatos, de movimentos sociais e integrantes do governo federal.

Embora sem confirmação oficial, a expectativa é de que o conselho se reúna no próximo dia 28. A lista dos participantes ainda não foi divulgada oficialmente pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência. A última reunião do órgão foi em junho de 2014.

Desde que chegou ao Planalto, em janeiro de 2011, Dilma comandou sete reuniões do “conselhão”. Em três, Temer participou: em abril de 2011, em julho de 2013, e em abril de 2014.

Dilma também comentou com o vice as previsões do Fundo Monetário Internacional (FMI) sobre a economia e, mencionando o cenário econômico mundial, disse ao vice que não é só o Brasil que está com problemas.

 

G1

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *