Apesar de atraso, Corinthians volta ao Brasil feliz e otimista para 2016

O elenco do Corinthians desembarcou no Brasil na madrugada desta sexta-feira com uma hora de atraso em relação ao prazo previsto pelos profissionais do clube – por conta de um imprevisto ainda em Santiago, no Chile, a delegação pisou no Aeroporto de Guarulhos 1h25. Apesar do atraso e das expressões cansadas, os jogadores atenderam à imprensa e demonstraram satisfação pela vitória na primeira rodada da Libertadores, por 1 a 0, contra o Cobresal. Segundo o goleiro Cássio, o bom resultado conquistado no Chile é indicativo de que a temporada pode ser positiva para o clube.

– Importante é ganhar. Libertadores é difícil todos os jogos, então o time se portou bem, quando teve oportunidade fez o gol e quando foi atacado se defendeu bem. A cidade e a estrutura não era tão ruim quanto se falava, as pessoas foram muito simpáticas conosco e já jogamos em lugares muito piores, principalmente no Campeonato Paulista. Então conseguimos nos adaptar rapidamente e o mais importante, que eram os três pontos, nós conquistamos – explicou o goleiro do Timão, um dos últimos a passar pelo saguão do Terminal 3 do Aeroporto de Guarulhos nesta madrugada.

Apesar da boa vitória no meio do deserto do Atacama pela abertura da Libertadores, o Corinthians terá pouco tempo para descansar. O grupo já treina na tarde desta sexta-feira no CT Joaquim Grava, repete a atividade na manhã de sábado e no dia seguinte já tem o duelo contra a Ferroviária pela quinta rodada do Campeonato Paulista.

Provavelmente com uma formação mista levada a campo pelo técnico Tite, o Corinthians buscará manter seus 100% de aproveitamento em jogos oficiais da temporada. Contra XV de Piracicaba, Osasco Audax, Capivariano e São Paulo, no Paulistão, e Cobresal, pela Libertadores, foram cinco vitórias, sete gols marcados e apenas um sofrido. 

– O mais importante era vencer, começar a temporada vencendo dá confiança para as competições e é importante até para qualificar mais o grupo, fortificar mais ainda. Claro que a gente prioriza o desempenho, porque sabe que tendo bom desempenho vai ter condição de vencer o jogo. Mas tem jogos em que não vamos ser brilhantes, mas taticamente precisamos estar organizados para conseguir os resultados. E assim que tem sido – resumiu o lateral Fagner, ao contrário de Cássio, um dos primeiros a subir ao ônibus que esperava o grupo.

Apesar do horário adiantado, alguns torcedores aguardavam os jogadores do Corinthians para tirar fotos e assinar camisas. Funcionários do Aeroporto também promoveram agitação na madrugada desta sexta-feira.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *