Últimas

Após desafinar no Grammy, Adele diz que sofreu com problemas técnicos

Após surpreender a todos com momentos de desafinação durante sua apresentação no Grammy 2016, Adele usou seu perfil no Twitter para explicar a sua performance na premiação. De vestido vermelho longo, Adele cantou “All I Ask”, do seu álbum “25”, acompanhada apenas de um pianista, mas passou por problemas técnicos durante sua apresentação.

“Os microfones de piano caíram sobre as cordas do piano, que é o que o som da guitarra era. Isso fez soar fora de sintonia. Merdas acontecem”, escreveu a cantora.

O Grammy Awards 2016 consagrou Taylor Swift com o prêmio de álbum do ano pelo disco “1989”, surpreendendo a quem esperava por uma vitória do rapper Kendrick Lamar, favorito na categoria e líder de indicações. Adele não concorria em nenhuma categoria do Grammy, pois seu último álbum, 25, foi lançado depois da data limite para entrar no calendário da competição de 2016

Apesar dos prêmios, o Grammy é mesmo um grande festival de uma música só, e vale mais pelas apresentações ao vivo do que pelo artista que vai sair com um gramofone nas mãos. No fim, ninguém se lembra de todos os premiados –afinal, são 83 ao todo.

Artista que mais vendeu discos

Segundo o ranking anual da Federação Internacional da Indústria Fonográfica (IFPI), com sede em Londres, Adele, que desde novembro já vendeu mais de 15 milhões de cópias de seu terceiro álbum de estúdio, “25”, foi a artista com mais discos comercializados no mundo em 2015.

Em janeiro, o clipe do single “Hello” conquistou a impressionante marca de vídeo a atingir mais rápido 1 bilhão de acessos no YouTube, superando o sucesso meteórico de “Gangnam Style”, do ídolo sul-coreano Psy, em 2012. Só nas primeiras 24 horas, o clipe de Adele registrou 27 milhões de visualizações no canal.

The piano mics fell on to the piano strings, that’s what the guitar sound was. It made it sound out of tune. Shit happens.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

X

— Adele (@Adele) 16 fevereiro 2016

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *