Últimas

Atlético-MG usa o Whatsapp para evitar surpresas na Copa Libertadores

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Comissão técnica de Aguirre trabalha com vídeos individualizados para apresentar adversários da Libertadores aos jogadores

    Comissão técnica de Aguirre trabalha com vídeos individualizados para apresentar adversários da Libertadores aos jogadores

O Atlético-MG estreia na Copa Libertadores, contra o Melgar, em Arequipa, no Peru. Adversário totalmente desconhecido para os brasileiros, já que a equipe peruana está apenas na sua segunda participação no torneio continental. Se o adversário da estreia é bastante desconhecido para o torcedor atleticano, os jogadores alvinegros não vão ser surpreendidos em campo, graças a vídeos enviados por Whatsapp.

Com acesso a jogos do atual campeão peruano, a comissão técnica do Atlético estudou o adversário e fez vídeos individualizados. São orientações de como o adversário jogo e até mesmo o estilo de jogo de cada atleta. Para os defensores, por exemplo, são ressaltadas as características mais fortes dos atacantes adversários.

“Acho muito importante ter essas informações de características do seu adversário, com uma análise individual. Além da preparação da semana, tática e técnica, você já pode preparar mentalmente em cima das características do adversário, tendo a possibilidade de anular suas ações durante a partida”, comentou o lateral direito Marcos Rocha ao UOL Esporte.

E assim também é feito com os jogadores do ataque. Cada um sabe o ponto mais vulnerável do marcador. Trabalho para evitar surpresas, já que a equipe peruana é pouco conhecida no futebol brasileiro. E assim também vai ser feito com os próximos adversários do Atlético na Libertadores. O equatoriano Independiente Del Valle e o chileno Colo-Colo completam o grupo 5 do torneio continental.

No caso dos chilenos, um pouco menos, já que Atlético e Colo-Colo foram adversários na Libertadores de 2015 e os mineiros levaram a melhor. Cada time venceu um jogo, mas a equipe brasileira avançou às oitavas de final graças aos critérios de desempate. O jogo decisivo foi no Independência e o Atlético venceu por 2 a 0.

O trabalho de captação dos jogos das equipes adversárias, além da edição dos vídeos, é feito por Alexandre Ceolin, auxiliar em tecnologia esportiva do Atlético. Tudo em parceria com os membros da comissão técnica do clube.

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *