Câmara Criminal nega liberdade a acusado de tráfico de drogas em Penedo

Everton dos Santos foi preso em agosto de 2015, juntamente com outras quatro pessoas; no local onde o grupo atuava, a polícia encontrou 960 gramas de maconha, além de armas

 

A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) negou, nesta quarta-feira (17), pedido de liberdade ao réu Everton dos Santos Rodrigues, preso por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, na cidade de Penedo, interior do Estado. A decisão teve relatoria do desembargador Sebastião Costa Filho.

    O réu foi detido em agosto de 2015, juntamente com outras quatro pessoas. Na residência onde o grupo supostamente atuava, no bairro Santa Cecília, a polícia encontrou 960 gramas de maconha, além de balança de precisão, armas e celulares.

    A defesa impetrou habeas corpus no TJ/AL requerendo a soltura do réu. Alegou que ele é primário, tem residência fixa e vem colaborando com a persecução criminal. Sustentou ainda não existirem provas capazes de demonstrar que a liberdade de Everton dos Santos trará risco à ordem pública.

    O pedido, no entanto, foi denegado pela Câmara Criminal. De acordo com o desembargador Sebastião Costa Filho, a prisão está fundamentada em indícios concretos colhidos durante a investigação policial. “A custódia cautelar do acusado está devidamente arrimada nos autos, não havendo que se falar em ausência de fundamentação idônea para o decreto constritivo”, afirmou.


Matéria referente ao processo nº 0804686-49.2015.8.02.0000

Diego Silveira – Dicom TJ/AL

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *