Últimas
SAO PAULO PALADAR LEGENDA Giovanna Grossi, 23 anos, a primeira mulher a ganhar o Bocuse D'Or Brasil, no Rio, seletiva nacional da competição mundial que acontece de dois em dois anos na França FOTO Ana Paula Boni/Estadão

Chef Alagoana vence mais uma etapa de concurso mundial

Com apenas 23 anos, Giovanna Mayer Grossi que já passou pela Basque Culinary Center da Espanha, estudou no Instituto Paul Bocuse, na França, e foi destaque no programa Mais você da Rede Globo –  após vencer a etapa Brasil da Bocuse D’Or, competição de chefs conhecida como a Copa do Mundo da Gastronomia, acaba de subir mais um degrau na sua promissora carreira.

 

Em mais uma seletiva, dessa vez realizada no México, a Chef colocou o Brasil em primeiro lugar no pódio ao vencer a disputa e garantir sua vaga na grande final, em Lyon (França), em 2017. Além do título, quem vencer, ganhará um prêmio de 25 mil euros.

 

A profissional – que já foi empresária do ramo de calçados em Maceió em uma loja que levava seu nome, é filha de Luiz Grossi, dono de uma rede de restaurantes como: Pizza Fone, Dona Branca, Alagoana e Parmegianno. Ao decidir não trabalhar nas empresas da família, Giovanna não imaginaria que seria a primeira mulher a vencer a seletiva brasileira do Bocuse D’Or, realizada no país desde 1989.

 

pOR

Elaine Rafaella 

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *