Corinthians aproveita erro e vence São Paulo pela quarta vez em Itaquera

Corinthians e São Paulo se enfrentaram pela quarta vez no estádio de Itaquera neste domingo. Pela quarta vez, o Corinthians levou a melhor. Um gol de Lucca no primeiro tempo, após falha do zagueiro Lucão, e outro de Yago nos minutos finais construíram a vitória por 2 a 0. 

Durante os 90 minutos, os times não construíram tantas chances claras de gols assim. No início do duelo, o que mais chamou a atenção foram alguns desentendimentos entre os jogadores.

Depois da falha de Lucão que resultou no primeiro gol do Corinthians, o São Paulo até teve algumas chances para empatar, principalmente em jogadas que não construiu. Em uma, um chutão de Bruno Henrique bateu em Centurion e foi em direção ao gol. Na outra, Yago atrasou mal e deixou Calleri sozinho na área. Mas Cássio apareceu de maneira decisiva em ambas. Qualquer chance de tirar ao menos um ponto na casa do rival acabou quando Yago apareceu na área são-paulina para acertar um cabeceio.

A vitória faz o Corinthians permanecer com 100% de aproveitamento no Paulista. Com 12 pontos em quatro rodadas, o time não só lidera o Grupo D como é o melhor da competição. O São Paulo, por sua vez, perde pela primeira vez sob o comando de Bauza e permanece estacionado nos quatro pontos no Grupo C, depois de três jogos.

As duas equipes agora voltam as atenções para a Libertadores. O São Paulo recebe no Morumbi o Strongest, da Bolívia, na quarta-feira. Também na quarta, o Corinthians viaja ao Chile para pegar o Cobresal.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 X 0 SÃO PAULO

Local: Estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 14 de fevereiro de 2016, domingo
Horário: 17 h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo e Alex Ang Ribeiro (ambos de SP) 
Público: 36.788 (36.378 pagantes)
Renda: R$ 2.050.496,50
Cartões amarelos: Guilherme Arana, Willians (Corinthians); Mena, Hudson (São Paulo)
Gols: Lucca (Corinthians), aos 23 o 1º tempo; Yago (Corinthians), aos 41 do 2º tempo

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Guilherme Arana; Bruno Henrique; Maycon (Willians), Giovanni Augusto (Romero), Rodriguinho e Lucca; André (Danilo)
Técnico: Tite

SÃO PAULO: Denis; Bruno (Caramelo), Rodrigo Caio, Lucão e Mena; Thiago Mendes (Kelvin) e Hudson; Centurión (Rogério), Paulo Henrique Ganso e Michel Bastos; Calleri
Técnico: Edgardo Bauza

Fonte: Bol.com.br

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *