Últimas

Dirigentes do Ipanema sofrem “sequestro” relâmpago após jogo contra o ASA

Como se não bastasse a derrota por 1 a 0 para o ASA em Arapiraca na noite de quarta-feira (03), dirigentes do Ipanema ainda passaram por momentos de pânico no retorno para o sertão alagoano. O carro dos representantes foram vítimas de um sequestro relâmpago, tendo um veículo sendo levado por criminosos.

Através das redes sociais, o clube explicou o acontecido. Na madrugada desta quinta-feira, já na estrada após o jogo válido pela 4ª rodada do Alagoano, o veículo dos dirigentes foi seguido por um carro com vários assaltantes, um HB20 de cor branca.

Na cidade de Igaci, agreste alagoano, um dos dirigentes do Ipanema fez uma manobra tentando fugir dos criminosos. Sem conseguir escapar, abriram a porta do carro e tentaram fugir, mas dois passageiros acabaram ficando e sendo capturados, sendo levados pelos bandidos armados e deixados já na cidade de Craíbas. O veículo foi encontrado alguns quilômetros depois, com marcas de bala e danificado em vários pontos.

Foto: Divulgação/Ipanema

Foto: Divulgação/Ipanema

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Apesar dos momentos de pânico, nenhum dos diretores do Ipanema ficou ferido. Porém, os assaltantes levaram vários pertences das vítimas, além de documentos e outros objetos encontrados no carro.

“A Diretoria do Ipanema Atlético Clube, hoje, está triste pelo episódio Lamentável ocorrido com Diretores e Sócios Torcedores do Canarinho do Sertão!”, agradeceu o clube em postagem nesta manhã.

As delegacias de Arapiraca e Santana do Ipanema irão investigar a autoria do sequestro relâmpago, seguido de assalto. O clime tem sido de apreensão após alguns jogos do Campeonato Alagoano.

Na primeira rodada do estadual, concidentemente em partida entre Ipanema e ASA, dessa vez na cidade de Santana do Ipanema, o ônibus do ASA foi apedrejado na saída da cidade. Rumores davam conta de que o fato acontecido nesta madrugada, poderia ser uma retaliação.

 

Escrito por: Paulo Chancey Junior

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *